Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

RECOMPENSA

Voz solitária na arquibancada, Daniel viu virada de time do coração e ganhou camisa de brinde

Mesmo com distanciamento, técnico de enfermagem chamou a atenção do Taubaté que o presenteou
31/10/2020 13:30 - Rodrigo Almeida


Apesar de necessária, as medidas de biossegurança deixaram a participação do público um pouco gelada na final da supercopa de vôlei 2020, disputada a na reabertura do Guanandizão nesta, sexta-feira (30). 

O distanciamento dificultou um pouco a reação do campo-grandense, que só se animou na reta final da partida.

Fã de carteirinha do Taubaté, o técnico de enfermagem Daniel Palhares revelou que antes da pandemia teve o primeiro contato com a equipe paulista. “Fui até Blumenau e vi um jogo deles. Os meninos são muito humildes e desde então fiquei mais fã ainda”, revela.

Sobre ser a voz solitária na arquibancada, Daniel diz que não se sentiu nem um pouco constrangido. “A gente é torcedor, nosso papel é vir aqui e apoiar. A minha forma de ajudar é gritar e dar apoio o tempo todo”, ressalta.

Ele conta que conseguiu os ingressos com o pai, que é treinador de voleibol e não pôde ir. “Sempre joguei, desde pequeno, fiquei quatro anos na equipe do Dom Bosco e acompanho todos os jogos pela TV”.

O técnico foi recompensado duplamente na noite de sexta. Primeiro com a vitória do time querido em 3 sets a 2, o que culminou no título e depois com um presente da comissão técnica do Taubaté.

Com agradecimentos dos jogadores, que não podiam chegar próximo aos jogadores por determinações impostas pela pandemia, um membro do time paulista entregou uma camisa da equipe com a mensagem “Muito obrigado pelo seu apoio. Você foi demais essa noite e merece isso”.

O técnico da seleção brasileira de vôlei, Renan Dal Zotto, reafirma o quanto a presença do torcedor é importante. “Já estive em jogos sem torcida e para atletas e para o espetáculo é fundamental a retomada do público”.

Carlos Javier Weber, técnico campeão da superliga, reforça a presença do a importância do torcedor. “É uma situação complicada, muito difícil, mas, com certeza, foi êxito total estar aqui e ver o público curtindo um esporte que o brasileiro tanto ama”.

Com algumas fotos na coleção e uma camisa oficial no armário, a noite de Daniel foi tão brilhante quanto a retomada do público aos jogos.

 
 

Felpuda


Ex-petista de quatro costados, que acabou se aboletando em outro partido já há algum tempo, decidiu se submeter mais uma vez às urnas na tentativa de voltar a comandar cidade do interior de Mato Grosso do Sul. O eleitorado não botou fé e decidiu reeleger o atual prefeito.

Agora, há quem diga que o dito-cujo, que é fã de Carnaval, já pode ir preparando sua fantasia: “palhaço das perdidas ilusões”. Ô maldade!