Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

FÓRMULA

Alonso vence GP da Itália e esquenta a disputa pelo título

Alonso vence GP da Itália e esquenta a disputa pelo título
13/09/2010 14:07 -


Monza, Itália

O espanhol Fernando Alonso venceu o Grande Prêmio da Itália na manhã de ontem. Os torcedores ferraristas comemoraram o triunfo do piloto em Monza, mas o australiano Mark Webber (Red Bull) também tem motivos para festejar, já que tomou a liderança do Mundial do britânico Lewis Hamilton (McLaren).
Com 187 pontos ganhos, Webber, sexto colocado na Itália, figura no topo da tabela de classificação. Na medida em que abandonou a prova logo na primeira volta, Hamilton segue com os mesmos 182 pontos. Com o triunfo na Itália, Alonso contabiliza 166 pontos e também se aproxima da briga pelo título.
Depois de quebrar um jejum de 30 corridas da Ferrari e largar na pole position no Grande Prêmio da Itália, Fernando Alonso, campeão mundial com a Renault nas temporadas de 2005 e 2006, subiu ao pódio pela 59ª vez para comemorar sua 24ª vitória em 154 corridas.
Entre os brasileiros, Felipe Massa (Ferrari) foi o melhor e terminou na terceira colocação. Rubens Barrichello (Williams) largou em 10º e chegou na mesma posição. Lucas Di Grassi (Virgin) ficou na 20ª colocação e Bruno Senna abandonou logo na 13ª volta.

Consistência
Satisfeito por ganhar diante de milhares de torcedores da Ferrari, Fernando Alonso comemorou, mas pediu consistência à equipe para se manter na disputa pelo Mundial. “Esse foi um final de semana bom e o de Spa, foi ruim. Nós precisamos encontrar uma consistência nas últimas cinco corridas. Isso vai ser a chave”, afirmou.
Na corrida, depois de perder a ponta para Button, o desafio para Alonso foi escolher o momento certo de parar. Como a Ferrari trabalhou mais rápido que a McLaren para fazer a troca de pneus, o espanhol conseguiu tomar a liderança na volta à pista e garantiu o triunfo. “Nós podíamos parar uma volta depois ou uma volta antes. Tivemos que tomar a decisão certa no momento certo. Minha volta não foi nada de especial, mas a parada foi excelente”, elogiou Alonso.

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...