Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

Comercial volta a decidir o Estadual após jejum de 9 anos

Comercial volta a decidir o Estadual após jejum de 9 anos
24/05/2010 07:13 -


Eduardo Miranda

Comercial e Naviraiense decidirão o Campeonato Sul-Mato-Grossense deste ano. Ao segurar o empate por 0 a 0 em Itaporã ontem à tarde, o Colorado está de volta a uma final de Estadual após nove anos de espera. De quebra, o clube da Capital ainda garante seu lugar na Copa do Brasil do ano que vem, juntamente com o atual campeão, Naviraiense, que eliminou o Serc/Chapadão.
Derrotado por 1 a 0 no jogo de ida da semifinal, na semana passada no Morenão, em Campo Grande, o Itaporã começou a partida exercendo forte pressão sobre o time colorado. Com o regulamento a seu favor, bastou ao time da Capital segurar o empate sem gols para, assim, conquistar sua vaga na decisão do certame.
O Comercial não participa de uma final de Campeonato Estadual desde 2001, quando conquistou seu sétimo título.
A primeira decisão acontece no próximo domingo, dia 30, em Naviraí. O jogo de volta será no dia 6 de junho, em Campo Grande.

Naviraiense
O adversário colorado na decisão do Sul-Mato-Grossense será o atual campeão, Naviraiense. A equipe do Cone-Sul do Estado conquistou a vaga após uma dramática série de cobraça de pênaltis, em que derrotou o Serc/Chapadão por 7 a 6.
No tempo regulamentar, o time de Chapadão do Sul, que jogava em casa, venceu por 1 a 0 e forçou a disputa por pênaltis. No jogo de ida, o Naviraiense goleou o adversário por 4 a 0.
O Naviraiense, atual campeão estadual, volta à Copa do Brasil em 2011. Neste ano, foram dois jogos na competição contra o Santos. No primeiro, em Campo Grande, o time de Naviraí perdeu por 1 a 0. Na Vila Belmiro, os Meninos da Vila venceram por 10 a 0.

Felpuda


Partido político está vivendo processo de autofagia cá por essas bandas. Nada de ideologia ou defesa dos interesses dos filiados. O problema, segundo os mais observadores, é que lideranças não se contentaram em ter cada uma o seu pedaço e decidiram tomar conta com exclusividade do espólio, que, aliás, é regado com cifras milionárias. A legenda deverá se transformarem uma máquina de lavar, no caso, cheia de roupas sujas. E dê-lhe!