Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CÂMARA

Comissão da Amazônia pode ser desmembrada

Comissão da Amazônia pode ser desmembrada
27/02/2011 00:00 - AGÊNCIA CÂMARA


De autoria do deputado José Guimarães (PT-CE), o Projeto de Resolução 22/11 cria uma nova comissão permanente na Câmara: a da Integração Nacional e de Desenvolvimento Regional. Entre as atribuições do colegiado previstas na proposta, que altera o Regimento Interno da Casa, estão a elaboração de planos regionais de desenvolvimento socioeconômico e de estudos sobre migrações internas e mobilidade urbana.

A nova comissão surgiria do desmembramento da atual Comissão da Amazônia, Integração Nacional e Desenvolvimento Regional. Na opinião de Guimarães, hoje “as matérias relativas à Amazônia se revestem de tal importância que acabam se sobrepondo às demais”.

A divisão em duas comissões, argumenta o deputado, permitirá corrigir essa distorção ao direcionar um foco especial sobre a Amazônia e outro para a integração nacional. Dessa forma, destaca ele, será possível “observar as diferenças regionais com um olhar para o desenvolvimento econômico e a sustentabilidade, além de colaborar com a estruturação de uma Defesa Civil ágil e eficiente”.

Atualmente, a Câmara conta com 20 comissões permanentes. Esses colegiados são órgãos técnicos compostos por deputados com a finalidade de discutir e votar as propostas apresentadas à Casa. As comissões também atuam como mecanismos de controle de programas e projetos do Poder Executivo.

Felpuda


A lista do Tribunal de Contas de MS, com nomes de gestores que tiveram reprovados os balanços financeiros de quando exerceram cargos públicos, está deixando muitos candidatos de cabeça quente.  Conforme previsto pelo Diálogo, adversários estão se utilizando de tais dados para cobrar, principalmente nas redes sociais, deixando alguns gestores na maior saia justa e tendo que se explicar. O eleitor, por enquanto, só observa. E dê-lhe!