Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

TÊNIS

Djokovic derrota Federer e é tricampeão em Dubai

Djokovic derrota Federer e é tricampeão em Dubai
27/02/2011 08:40 - Gazeta Esportiva


Campeão do Aberto da Austrália, Novak Djokovic conquistou mais um troféu neste início de temporada. Defendendo o título do ATP 500 de Dubai, o sérvio derrotou o sempre favorito Roger Federer na decisão e se tornou tricampeão do torneio dos Emirados Árabes Unidos.

Em uma hora e 11 minutos, Djokovic dominou Federer e superou o suíço por 2 sets a 0, duplo 6/3. Desde o início da partida, o sérvio mostrou que seria um difícil oponente a ser batido. Mais firme no fundo de quadra, o número três do mundo pressionou o saque do suíço, que cedeu a quebra ainda no terceiro game.

Confiante, p sérvio abriu 0/40 no nono game do primeiro set e desperdiçou apenas um set point, abrindo o placar logo em seguida.

No segundo set, Federer voltou mais firme e parecia ter recuperado a confiança que lhe é tão característica. O suíço, no terceiro game, conseguiu a quebra sobre Djokovic, que passou a errar mais. No entanto, quando Federer sacava para fazer 4/2, o sérvio devolveu a quebra, igualando o embate em 3/3.

E a partir daí, ficou feio para Federer e muito bom para Djokovic. O sérvio se manteve concentrado nio restante da partida e não deu espaço para o suíço, que parecia ter desistido do jogo. Logo o número três do mundo fez 4/3 e virou a partida ao quebrar o serviço do rival.

Sacando para o jogo, Djokovic demonstrou um pouco de nervosismo no saque, que insistia em tocar na rede. No entanto, uma vez que acertava o serviço, não encontrava muita resistência do lado oposto. Impecável, o sérvio anulou Federer e se sagrou tricampeão em Dubai.
 

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...