Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

POLÍTICA

Esportes aquáticos em praias paradisíacas

Esportes aquáticos em praias paradisíacas
25/02/2010 04:42 -


Em Cabedelo, ao norte da capital, ficam a deslumbrante Ilha de Areia Vermelha e a Praia do Jacaré, notória pelo pôr do sol. Conde e Pitimbu, cidades vizinhas ao sul, poderiam disputar o título de costa mais bela do Estado. Tudo isso em um litoral que, da divisa com o Rio Grande do Norte ao limite com Pernambuco, tem apenas 138 quilômetros e pode ser percorrido de ponta a ponta em boas estradas, com acesso fácil a preciosidades como Coqueirinho, Barra do Gramame, Tabatinga e Tambaba. As praias paraibanas só foram descobertas pelos praticantes de esportes aquáticos na década de 1990. E as primeiras escolas dessas modalidades são ainda mais novas. A The Hand Kitecenter (www.thehand.com.br), por exemplo, está há seis anos na Praia de Intermares, entre João Pessoa e Cabedelo, e é uma das pioneiras. Por lá são concorridas as aulas de wind e kitesurfe, modalidade em que o praticante “navega” sobre uma prancha impelido por um paraquedas, que infla com o vento. Quem não sabe nada pode fazer o intensivão de cinco dias, por R$ 500. Ainda é possível testar uma aula avulsa (R$ 70). Todos os equipamentos necessários são alugados no local. E, por mais impossível que isso possa parecer à primeira vista, dá para encarar a empreitada sem risco de afogamento. Outro ponto famoso do kite é Cabo Branco, palco de diversos campeonatos da modalidade. O sol forte, presente durante 12 horas todos os dias, atrai inclusive quem só quer ver o desfile de paraquedas coloridos, descansando na areia. Intermares também é boa para os que pretendem investir no surfe. A tradicional Inject (www.injectbrasil. com) promove aulas avulsas diariamente, a partir de R$ 35, ou pacotes para iniciantes, além de aluguel de equipamentos. Mergulho Sonha em ver o fundo do mar? Uma das principais escolas da modalidade está instalada na Paraíba. E dá para aproveitar as férias em João Pessoa para fazer um curso rápido. Basta ter a partir de 8 anos. A Mar Aberto fica na Praia de Bessa e oferece cursos até para quem já é profissional. Os mais procurados são os programas de snorkeling – nado de superfície, com máscara e respirador – e scuba diving, mergulho a até 16 metros de profundidade. Os locais de prática da modalidade também atraem pela beleza e pela curiosidade histórica. Diversos navios afundados podem ser visitados pelos mergulhadores – um deles é o Alice. O vapor brasileiro da época da Guerra do Paraguai está a cerca de 10 quilômetros da costa e a 12 metros de profundidade.

Felpuda


Apressadas que só, figurinhas tentaram se “apoderar” do protagonismo de decisão administrativa. Não ficaram sequer vermelhas quando se assanharam todas para dizer que tinham sido responsáveis pela assinatura de documento que, aliás, era uma medida estabelecida desde 2019. Quem viu o agito da dupla não pode deixar de se lembrar daquele pássaro da espécie Molothrus bonarienses, mais conhecido como chupim, mesmo. Afe!