Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BRASIL/MUNDO

Furacão pode atingir o Golfo do México

Furacão pode atingir o Golfo do México
28/06/2010 06:50 -


Miami

A tempestade tropical Alex, que se formou ontem no mar caribenho, seguia em direção ao Golfo do México neste domingo, depois de castigar Belize, o norte da Guatemala e a Península de Yucatán, no México, com chuvas torrenciais. Segundo meteorologistas, Alex, a primeira tormenta tropical da temporada de furacões do Atlântico, deve enfraquecer ao passar pela Península de Yucatán. No entanto, deve ganhar força novamente ao atingir o Golfo do México, onde as águas quentes podem transformá-la num furacão.
Por enquanto, a tempestade não está indo em direção à região onde ocorre o vazamento de petróleo no Golfo do México, embora essas tormentas possam mudar sua trajetória rapidamente. O vazamento teve início em 20 de abril, quando a sonda Deepwater Horizon explodiu, deixando 11 mortos.
Se os ventos ultrapassarem os 74 quilômetros por hora, os trabalhos de contenção do vazamento e coleta do petróleo podem ser suspensos por até duas semanas, segundo o almirante da Guarda Costeira dos Estados Unidos, Thad Allen. Cerca de 39 mil pessoas e 6 mil embarcações estão envolvidas no trabalho de contenção do vazamento, proteção da região costeira e limpeza das praias.

Felpuda


Os bastidores fervem com a ciumeira que vem acontecendo em alguns municípios, onde determinados candidatos estariam sendo mais prestigiados que outros depois das alianças que foram formalizadas nas convenções. As queixas só aumentam, e as lideranças partidárias já não sabem o que fazer, temendo a possibilidade de que a vitória vá para o ralo. A bronca maior está entre integrantes das chapas puras de vereadores que se coligaram na majoritária. E salve-se quem puder!