Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

BRASIL/MUNDO

Gays tentam barrar indicação de general

Gays tentam barrar indicação de general
10/02/2010 22:54 -


Os sargentos Fernando Alcântara de Figueiredo e Laci Araújo ingressaram ontem com representação na Mesa Diretora do Senado contra a indicação do general Raymundo Nonato de Cerqueira Filho para o STM (Superior Tribunal Militar). Laci foi detido pelo Exército depois que revelou manter relação amorosa com Figueiredo – que pediu baixa das Forças Armadas em meio à polêmica, ocorrida em 2008. Os militares vão tentar convencer o Senado a derrubar a indicação do general para o STM depois que Cerqueira Filho, em sabatina na CCJ (Comissão de Constituição e Justiça) do Senado, manifestou posição contrária à presença de homossexuais nas Forças Armadas. Os sargentos protocolaram o requerimento na Mesa Di retora da Casa e entregaram uma cópia do documento ao senador Demóstenes Torres (DEM-GO), presidente da CCJ. Os militares argumentam que, como futuros integrantes do STM, o general e o almirante terão que julgar o processo contra Laci que tramita no tribunal. O sargento responde a processo no STM por deserção após revelar a relação amorosa com Figueiredo – que está na reserva.

Felpuda


Partido político está vivendo processo de autofagia cá por essas bandas. Nada de ideologia ou defesa dos interesses dos filiados. O problema, segundo os mais observadores, é que lideranças não se contentaram em ter cada uma o seu pedaço e decidiram tomar conta com exclusividade do espólio, que, aliás, é regado com cifras milionárias. A legenda deverá se transformarem uma máquina de lavar, no caso, cheia de roupas sujas. E dê-lhe!