Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SUCESSOR

Lamborghini Huracán faz estreia

Lamborghini Huracán faz estreia
04/03/2014 16:15 - g1


                                  Lamborghini Huracán LP 610-4 (Foto: Divulgação)

Apesar de ter apresentado os primeiros detalhes e fotos do Huracán em dezembro passado, a Lamborghini fez no Salão de Genebra, que começa nesta terça-feira (4), a estreia mundial do esportivo. O Huracán LP 610-4 é o sucessor do lendário Gallardo e começa a chegar às ruas da Europa ainda no primeiro semestre de 2014 por valor a partir de 169.500 euros - equivalente a R$ 546 mil (cotação do dia).

A primeira aparição oficial do Huracán ocorreu na véspera da abertura do salão, na segunda-feira (3), em evento do grupo Volkswagen. De acordo com a empresa, o carro tem motor V10 de 610 cavalos, que possibilita atingir 325 km/h e fazer de 0 a 100 km/h em 3,2 segundos.
Segundo a fabricante italiana, o Huracán é um modelo que foi concebido do zero e seu nome foi inspirado em um touro espanhol que lutou em Alicante, em agosto de 1879, se tornando uma lenda. Traduzindo para português, a palavra significa "furacão".

Para tentar superar o sucesso do Gallardo, que teve 14.022 unidades produzidas, o maior volume da história da empresa, a Lamborghini buscou inovações como chassi híbrido composto de elementos de carbono e alumínio. O resultado é um peso de 1.422 kg, o que dá ao Huracán peso potência de 2,33 kg por cavalo. 

Mais potente que o antecessor

Enquanto o finado Gallardo tinha motor que rendia 570 cavalos, o Huracán chega com mais potência, alcançando 610 cavalos a 8.250 rpm. O propulsor V10 de 5.2 litros também rende poderoso torque máximo de 57,10 kgfm a 6.500 rpm, utilizando misto de injeção direta e indireta.

Para chegar a 200 km/h, o veículo leva 9,9 segundos. De acordo com a empresa, o modelo faz consumo médio de 8 km/l, recebendo ajuda do sistema start-stop para reduzir a queima de combustível.

Sua transmissão é de 7 marchas com dupla embreagem e a tração é integral, controlada eletronicamente. O esportivo possui três modos de condução: Strada, Sport e Corsa. Cada modo altera o comportamento geral do carro, modificando o funcionamento de motor, câmbio, controle de estabilidade e tração.

Os freios utilizam componentes de carbono e cerâmica, além de as suspensões terem ajustes eletrônicos. A produção do Huracán será feita na fábrica de Sant’Agata Bolognese, na Itália, com as primeiras entregas previstas para a partir de março de 2014.

Felpuda


Dia desses, há quem tenha se lembrado de opositor ferrenho – em público –, contra governante da época, mas que não deixava de frequentar a fazenda de “sua vítima” sempre que possível e longe dos olhos populares. Por lá, dizem, riam que só do fictício enfrentamento de ambos, que atraía atenção e votos. E quem se lembrou da antiga história garantiu que hoje ela vem se repetindo, tendo duas figurinhas carimbadas nos papéis principais. Ô louco!