Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Lucas confirma que deve trocar o São Paulo pelo PSG

Lucas confirma que deve trocar o São Paulo pelo PSG
08/08/2012 06:00 - ig


O meia-atacante Lucas está cada dia mais próximo do Paris Saint-Germain. Nesta terça-feira, após a seleção brasileira garantir vaga na final do futebol olímpico, o jogador do São Paulo confirmou que deve defender o clube francês.

“O negócio está bem encaminhado. Mas vamos falar sobre isso apenas depois da final das Olimpíadas”, disse o reserva da seleção comandada por Mano Menezes.

Na semana passada, Wagner Ribeiro, empresário de Lucas , esteve em Paris para selar os últimos detalhes da negociação. Entre o São Paulo e o PSG também está quase tudo acertado.

Ex-jogador do clube do Morumbi, Leonardo, atual dirigente do PSG, foi desginado pelo xeque Nasser Al-Khelaifi para cuidar da transação que supera a casa dos R$ 100 milhões.

Com um projeto audacioso de transformar o PSG em um dos maiores clubes do mundo, o xeque do Catar não mede esforços para reforçar a equipe. No mês passado, por exemplo, ele gastou cerca de R$ 155 milhões para tirar Thiago Silva e IBrahimovic do Milan.

Após a decisão pela medalha de ouro, no próximo sábado, Lucas deve seguir direto para Paris. Na capital francesa, o jogador vai conhecer as dependências do clube, realizar exames médicos e assinar o contrato, provavelmente com duração de cinco anos.

No entanto, Lucas deve reforçar o PSG apenas em 2013. O meia-atacante não tem passaporte europeu e o clube francês já estourou a cota de atletas não-comunitários.

Felpuda


Prefeitura de município do interior de MS recebeu recomendação do Ministério Público do Estado no sentido de exonerar servidores comissionados, livres do cartão de ponto, que são parentes de secretários da administração e de vereadores. O nepotismo se tornou um excelente “negócio” por lá, e se até o dia 6 de agosto as devidas providências não forem tomadas, medidas serão adotadas, como ação por improbidade administrativa. Tem gente que não aprende mesmo, né?