Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

"Manchester United não está à venda", afirmam donos

"Manchester United não está à venda", afirmam donos
25/02/2011 15:23 - terra


Depois de saber que a família real do Catar prepara uma oferta de 1,8 bilhões de euros (R$ 4,1 bilhões) pelo Manchester United, os donos do clube inglês se manifestaram: não vão vender o clube. A família Glazer emitiu um comunicado reafirmando sua posição.

"O conselho de administração, após as especulações da imprensa sobre uma possível venda do Manchester, garante que os donos estão comprometidos com o United. A estratégia de longo prazo à frente do clube está mantida", diz o texto, divulgado nesta sexta-feira.

"O Manchester United não está à venda e os donos não estão disponíveis a analisar ofertas", completa.

A família Glazer, no entanto, não é irredutível. De acordo com a imprensa britânita, existe um preço estipulado para o clube: 2,1 bilhões de euros (R$ 4,8 bilhões). Mas os xeques não devem chegar a tanto em sua próxima oferta.

Felpuda


Nos bastidores, há quem garanta que a única salvação, de quem está com a corda no pescoço, é ele aceitar ser candidato a vice-prefeito em chapa de novato no partido. Vale dizer que isso nunca teria passado por sua cabeça, uma vez que foi eleito com, digamos, “caminhão de votos”. Se aceitar a imposição, pisaria na tábua de salvação; se recusar, poderá perder o mandato. Ah, o poder!