Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

HOMICÍDIO

Polícia investiga assassinato em aldeia de Aral Moreira

Polícia investiga assassinato em aldeia de Aral Moreira
27/08/2012 07:40 - VÂNYA SANTOS


O indígena Irmo Martins, de 43 anos, foi assassinado a tiros por volta das 22h20min de ontem (26). De acordo com boletim de ocorrência, o crime aconteceu na Aldeia Guassuty, na cidade de Aral Moreira.

Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima foi baleada na aldeia e socorrida por populares até o Hospital Santa Luzia. No entanto, chegou inconsciente no local e morreu momentos depois de dar entrada.

A recepcionista da unidade de saúde foi quem avisou a polícia sobre o crime. Não há notícias sobre a dinâmica do homicídio, nem a possível motivação do fato. Porém, informações preliminares dão conta de que o autor seria um paraguaio. O caso será investigado pela Polícia Civil. 

Felpuda


Nos bastidores, conversas, ou melhor, quase sussurros, dão conta de que compromisso assumido teria prazo de validade se acontecer a vitória de aliado.

A partir de então, o papo passaria a ser bem, mas bem diferente mesmo, pois, com acordo cumprido, novos objetivos passariam a ser fonte dos desejos, e sem nenhuma moeda de troca.

No caso, não haveria mais sequer um fio de bigode. Tipo, cada um na sua.