Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Presos contabilista, policial federal e fiscal da Receita

Presos contabilista, policial federal e fiscal da Receita
31/01/2010 07:47 -


Um agente da Polícia Federal, um fiscal tributário e um contabi l ista mu ito con hecido em Dourados, foram presos em flagrante no início da noite de sextafeira, quando recebiam R$ 12 mil da extorsão de um empresário. O delegado federal Bráulio Cézar Galloni, de Dourados, confirmou as prisões. Ele disse ao Correio do Estado que segunda-feira está prevista a divulgação de nota oficial a respeito do fato. Por enquanto o nome dos acusados e da vítima estão sendo mantidos em sigilo. Fontes não oficiais disseram que os dois servidores teriam armado um esquema para exigir R$ 50 mil do empresário sob a alegação de que ele seria sonegador de impostos. Teriam feito ainda ameaças de acusá-lo por suposto depósito de éter que ele estaria mantendo escondido em uma de suas empresas. Em princípio, o empresário afirmou que pagaria o dinheiro, mas decidiu negociar justificando que o valor era muito alto. Com a intermediação do contador, o policial federal e o servidor da Receita teriam concordado em receber R$ 12 mil. Flagrante A vítima, de acordo ainda com as informações extraoficiais, marcou a entrega do dinheiro para a noite de sexta-feira, mas antes teria comunicado o caso a Polícia Federal que colocou uma equipe para acompanhar o encontro do empresário com os acusados da extorsão. No momento do repasse do dinheiro os três receberam voz de prisão.

Felpuda


Apressadas que só, figurinhas tentaram se “apoderar” do protagonismo de decisão administrativa. Não ficaram sequer vermelhas quando se assanharam todas para dizer que tinham sido responsáveis pela assinatura de documento que, aliás, era uma medida estabelecida desde 2019. Quem viu o agito da dupla não pode deixar de se lembrar daquele pássaro da espécie Molothrus bonarienses, mais conhecido como chupim, mesmo. Afe!