Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ESPORTES

Santo André perde para o Grêmio Prudente, mas será o adversário do Peixe

Santo André perde para o Grêmio Prudente, mas será o adversário do Peixe
19/04/2010 09:39 -


Santo André, SP

Na outra semifinal do Campeonato Paulista, sem a mesma badalação do clássico entre Santos e São Paulo, o Santo André eliminou o Grêmio Prudente e será adversário do Peixe na decisão. A classificação da equipe do ABC, porém, não foi tão simples quanto a da equipe do litoral. Mesmo jogando em casa, o Ramalhão foi derrotado pela Abelha por 2 a 1, ontem à noite, no estádio Bruno José Daniel, e avançou para a final por ter uma campanha melhor na primeira fase.
A equipe de Presidente Prudente precisava vencer por dois gols de diferença para obter a vaga, pois perdeu o duelo de ida por 2 a 1. E, desta vez, o placar se inverteu. Todos os gols saíram no primeiro tempo. Tadeu, de pênalti, colocou os visitantes em vantagem, Renato Dias empatou e Marcos Assunção, em um golaço de falta, deu a vitória ao time do oeste do Estado de São Paulo. Na etapa final, Branquinho ainda desperdiçou uma penalidade para o time do ABC.
Esta é a primeira vez que o Santo André chega a uma final do Estadual em 42 anos de história. O clube, contudo, volta a ganhar destaque depois de conquistar o título da Copa do Brasil em 2004, derrotando o Flamengo, no Maracanã, e do rebaixamento para a Série B do Campeonato Brasileiro no ano passado.
O treinador Serginho Soares comentou a classificação: “Isso é prova de uma excelente campanha. E, mais uma vez, essa equipe conseguiu algo inédito. Isso é muito gratificante. Fizemos um planejamento e conseguimos deixar para trás equipes grandes como São Paulo, Corinthians e Palmeiras”.

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...