Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

REFORÇO

São Paulo quer atacante para fechar elenco

São Paulo quer atacante para fechar elenco
05/02/2014 00:00 - BAND


Apesar da chegada de Pabón, o São Paulo quer contratar outro atacante para fechar o elenco. “Buscamos um atacante, porque o Muricy Ramalho quer um centroavante para alternar com o Luís Fabiano”, disse o vice-presidente de futebol do Tricolor, João Paulo de Jesus Lopes, em entrevista ao programa ‘Os Donos da Bola’, da Band.

O dirigente até confessou que, para tentar ludibriar a imprensa, despistou sobre o interesse em Ricardo Oliveira. “Nós procuramos trazê-lo. Até a gente procurou despistar. Tivemos uma conversa direta, mas ele teve outra proposta grande de outro clube e resolveu permanecer no Qatar”.

O outro nome cogitado era o de Nilmar, mas foi descartado pelo dirigente. “O Nilmar o empresário dele é complicado. Seria até bom, porque tivemos uma conversa há dois anos e se declarou são-paulino e com isso, até renderia mais”.

Sobre as chegadas de Pabón e Souza, João Paulo destacou que eles já fazem parte do elenco. “O Pabón hoje de manhã já deu um ultimato da documentação na Polícia Federal para obter o visto de permanência. O Souza está fazendo exames médicos”.

Ceni

O dirigente se mostrou tranquilo sobre a possiblidade de Rogério Ceni ser denunciado no TJD-SP pela suposto chute a Valdivia quando comemorava gol na derrota para o Palmeiras por 2 a 0, no clássico do último domingo no Pacaembu.

“Não chegou nada, até porque acho cabível que o TJD tenha suspeita que possa ter acontecido. Analisamos e entendemos que no calor do jogo, por aquela circunstância, o jogador do Palmeiras provocou. Faz parte. O Rogério mostrou cara feita, encenou reação no sentido de não dar prosseguimento a gozação. Se realmente acontecer, acionaremos o departamento jurídico para defender nosso atleta”.

Felpuda


Na troca de alfinetadas entre partidos que não se entenderam até agora sobre eventual aliança, uma outra peça está surgindo: trata-se do levantamento completo sobre investimentos feitos, recursos liberados, parcerias em todas as áreas, além do prazo de quando tudo isso começou. Caso os palanques venham a ficar distanciados, a divulgação será feita à exaustão durante a campanha eleitoral, para mostrar quem é quem na história. Os bombeiros continuam atuando.