Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

Sem-terra ocupam sete fazendas no Pontal do Paranapanema

Sem-terra ocupam sete fazendas no Pontal do Paranapanema
08/09/2012 18:15 - agência brasil


Integrantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Terra da Base ocuparam hoje (8) mais duas propriedades rurais na região do Pontal do Paranapanema, a oeste do estado. Até agora, são sete fazendas ocupadas desde a madrugada de ontem (7). De acordo com o líder do movimento, Luciano de Lima, cerca de 100 famílias participaram em cada uma das ações. Uma das fazendas ocupada é a de Nossa Senhora de Lourdes, na cidade de Junqueirópolis, e outra é Fortaleza, em Iepê.

Os donos de três fazendas conseguiram na Justiça o direito de reintegração de posse. São elas: as fazendas Célia Maria, no município de Marabá Paulista; Clarice, em Iacri e Mondengo, na cidade de Arco-Íris. De acordo com Lima, as famílias de sem-terra vão se reunir na noite de hoje para decidir os rumos do movimento nessas áreas.

As ações, segundo o líder dos sem-terra, fazem parte de um conjunto de medidas aprovadas pelo Fórum Estadual de Luta pela Reforma Agrária, formado por movimentos sociais e entidades sindicais, como a Central Única dos Trabalhadores (CUT) e os sindicatos dos Metalúrgicos e dos Químicos de São Bernardo do Campo.

Felpuda


Mesmo sem ter, até onde se sabe, combinado com o eleitor, candidato a prefeito começou a apresentar nomes do seu ainda hipotético secretariado, pois parece estar convicto de que conseguirá vencer a disputa.

Os adversários dizem por aí que ele está muito distante de “ser um Jair Bolsonaro”, que, ainda na campanha eleitoral para presidente da República, já falava em Paulo Guedes para ser seu ministro de Economia. Como sonhar é permitido