Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

COBRANÇA INDEVIDA

TCU julga hoje devolução de R$ 119 mi da energia

TCU julga hoje devolução de R$ 119 mi da energia
08/08/2012 00:02 - CLODOALDO SILVA, BRASÍLIA


Os consumidores de energia elétrica de Mato Grosso do Sul atendidos pela Empresa Energética de Mato Grosso do Sul (Enersul) e pela Elektro podem ser beneficiados hoje com o ressarcimento de R$ 119 milhões cobrados indevidamente nas contas de luz entre 2002 a 2009. Isso porque o Tribunal de Contas da União (TCU) vai julgar o processo que recomenda a devolução de R$ 7 bilhões a todos os consumidores do Brasil.

No processo relatado pelo ministro Valmir Campelo, consta que a área técnica do tribunal confirmou o que houve desequilíbrio dos contratos de concessão que prejudicaram os consumidores, bem como a obrigatoriedade da Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) em adotar medidas para readequar o valor das tarifas e compensar os consumidores. A própria Aneel e o Ministério de Minas e Energia assumiram que houve erro no cálculo.

Leia mais no jornal Correio do Estado
 

Felpuda


Os bastidores fervem com a ciumeira que vem acontecendo em alguns municípios, onde determinados candidatos estariam sendo mais prestigiados que outros depois das alianças que foram formalizadas nas convenções. As queixas só aumentam, e as lideranças partidárias já não sabem o que fazer, temendo a possibilidade de que a vitória vá para o ralo. A bronca maior está entre integrantes das chapas puras de vereadores que se coligaram na majoritária. E salve-se quem puder!