Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

APREENSÃO

Em um ano Mato Grosso do Sul tem aumento de 929% em apreensões de drogas

O estado participa da ação Divisas Integradas III para o combate ao crime organizado e narcotráfico
29/10/2020 22:05 - Thais Libni


A Secretária de Estado de Justiça e Segurança Pública de Mato Grosso do Sul (Sejusp), publicou um comparativo de apreensões realizadas entre a outubro de 2019 e outubro de 2020. 

Em relação ao mesmo período de 2019, foram apreendidos 617,7 Kg de drogas no Estado. Já neste mês, foram retirados de circulação 6.354 Kg, ou seja, um aumento de 929%.  

Ainda de acordo com o levantamento, também cresceu o número de ocorrências registradas. No interior, a alta foi de 60%; enquanto na Capital, o aumento foi de 100%; já em todo o Estado esse percentual atingiu os 70%.

Operação Divisas

Segundo a Sejusp, a operção Divisas integradas III é um trabalho desenvolvido para o combate ao crime organizado e ao narcotráfico. 

Parceria dos estados de São Paulo, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul e Paraná, a operação conta com cerca de 20 mil policiais, além do Exército Brasileiro e da Marinha. 

As ações desta quinta-feira (29), resultaram na apreensão de 7,3 toneladas de drogas e 832 pessoas presas. 

Além da apreensão de drogas, as ações resultaram no recolhimento de 350 mil maços de cigarros, 58 armas de fogo, 13,7 mil materiais ilícitos e 21 veículos roubados. 

"Quando nós realizamos uma operação dessa envergadura, potencializamos nossos meios e aumentamos a sensação de segurança não só na nossa fronteira e Estados envolvidos, mas também em outras regiões' pontuou o secretário de Justiça e Segurança Pública, Carlos Antônio Videira. 

Os trabalhos devem continuar até o início de novembro. Para a realização das operações, além dos agentes, estão disponíveis 6.770 viaturas, 17 aeronaves, 17 drones, 142 cães e 91 embarcações, para demandas como mandados judiciais, ações preventivas e ostensivas.

Mato Grosso do Sul participa da operação com 837 policiais e servidores, 221 viaturas, duas aeronaves, três drones, seis cães farejadores e seis embarcações.

 
 

Felpuda


Embora tenha manifestação de que não haverá mudanças na administração municipal que se iniciará dia 1º de janeiro, o que se ouve por aí é que a realidade não seria bem assim.

Alguns setores deverão passar por alterações, como forma de se azeitar engrenagens que estariam deixando a desejar. 

O Diário Oficial, a partir daquela data, deverá ser a publicação mais lida a cada manhã.