Polícia
MAUS TRATOS

Homem deixa gado sem comida, leva multa de R$330 mil e responderá por três crimes ambientais

De 285 cabeças de gado no local, 65 já haviam morrido devido à falta de alimento

Ketlen Gomes

20/05/2022 16:05

Em Iguatemi, um pecuarista de 49 anos foi autuado e multado administrativamente em R$285 mil por maus tratos ao gado. Ele havia deixado o rebanho sem comida há dias. 

Ao todo, de 285 animais da fazenda, 65 já estavam mortos e 11 estavam sem conseguir levantar do chão quando a polícia chegou. 

A Polícia Militar Ambiental (PMA) de Mundo Novo, recebeu denúncias da situação na quarta-feira (18), e na quinta-feira (19), foi até o local verificar a situação. Além dos maus tratos ao gado, foi constatado uma degradação de área protegida de reserva legal e diversos processos erosivos na fazenda. 

O infrator abriu a área de vegetação protegida da reserva legal da propriedade para o gado comer, no entanto, além de degradar a vegetação, isso não resolveu o problema, pois não havia pastagem no local.