Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

OPERAÇÃO

PF apreende avião carregado de cocaína entre MS e MT

Carga teria saído da Bolívia e não respeitou ordem da Força Aérea para pousar em Cuiabá
09/03/2020 09:44 - Daiany Albuquerque


Um avião carregado com cocaína foi apreendido pela Polícia Federal na divisa entre Mato Grosso do Sul e Mato Grosso. De acordo com a corporação, o piloto da aeronave desobedeceu à ordem da Força Aérea Brasileira (FAB) para realizar pouso obrigatório em Cuiabá (MT) e desceu em uma pista clandestina.

Na fuga, o piloto colocou fogo no avião para tentar evitar que a polícia encontrasse a droga. A organização criminosa já estava sendo monitorada pela PF e a ação policial foi deflagrada com o objetivo de combater organização criminosa envolvida com tráfico de drogas realizado por via aérea. Segundo as investigações, eles buscavam a droga na Bolívia e a internalizava no país por meio de pequenas aeronaves.

Ao todo, 20 policiais federais participaram da ação integrada, que contou, também, com o apoio da FAB, Polícia Militar do Mato Grosso, Coordenadoria Integrada de Operações Aéreas (Cipoaer) e Grupo Especial de Fronteira (Gefron). A ação ocorreu na sexta-feira (6) e a aeronava foi apreendida em Tangará da Serra (MT).

“A iniciativa faz parte do esforço conjunto e integrado das forças envolvidas para a repressão a voos ilícitos, realizados na região, principalmente durante o período noturno. Diligências continuam sendo realizadas para a desarticulação de toda organização criminosa, buscando a prisão dos líderes e apreensão de bens e valores”, declarou a Polícia Federal por meio de nota.

 

Felpuda


Questão de família acabou descambando para o lado da política, e a confusão já é do conhecimento público. 

A queda de braço tem como foco a troca de apoio político que, de um, foi para outro. Sem contar as ameaças de denúncia da figura central do imbróglio. 

A continuar assim, há quem diga que nenhum dos dois candidatos a vereador envolvidos na história conseguirá ser eleito. Barraco é pouco!