Clique aqui e veja as últimas notícias!

MENINO HENRY

Polícia conclui inquérito e indicia Jairinho e Monique por homicídio de Henry

Casal foi indiciado por homicídio doloso (intencional) duplamente qualificado
03/05/2021 17:23 - FOLHAPRESS


Quase dois meses depois, a Polícia Civil do Rio de Janeiro concluiu o inquérito do caso de Henry Borel, menino que morreu aos 4 anos no apartamento onde morava com a mãe, a professora Monique Medeiros, 32, e seu namorado, o vereador Jairo Souza Santos, 43, conhecido como Dr. Jairinho.

Ambos foram indiciados por homicídio doloso (intencional) duplamente qualificado, por emprego de tortura e pela impossibilidade de defesa da vítima. 

Essa tipificação já havia sido indicada pelo delegado responsável, Henrique Damasceno, desde a prisão temporária do casal, em 8 de abril.

Agora, o relatório segue para o Ministério Público do Rio de Janeiro, que vai decidir se denuncia ou não os dois pelos mesmos crimes. 

O promotor que vem acompanhando o caso é Marcos Kac, que já chegou a negar em entrevista ao UOL a possibilidade de Monique ter sido dopada naquela noite, como ela afirma.

Últimas notícias