Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

ROTA VIGIADA

Operação do Gaeco tem com alvo quadrilha especializada em tráfico de drogas

Mandados de prisão e de busca e apreensão foram cumpridos em Mato Grosso do Sul
05/11/2020 13:02 - Da Redação


O Ministério Público de Mato Grosso do Sul (MPMS), através do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), deflagrou, nesta quinta-feira (5) a Operação “Rota Vigiada”, com objetivo de desmanchar organização criminosa localizada na Região Cone Sul do Estado.

Investigações apontaram que a quadrilha age principalmente no tráfico de drogas, com estrutura contendo motoristas, batedores e vigias monitorando estradas para burlar a fiscalização policial. 

Durante o período de investigações, foram apreendidos cerca de 4,7 toneladas de entorpecentes.

A Operação “Rota Vigiada” contou com a participação do Departamento de Operações de Fronteira (DOF), do Batalhão de Operações Especiais (BOP), do Batalhão de Choque, da Polícia Rodoviária Estadual e da Força Tática de Nova Andradina (8º Batalhão de Polícia Militar).

Foram cumpridos dezenove mandados de busca e apreensão nos municípios de Fátima do Sul, Itaquiraí, Ivinhema e Naviraí e quatro mandados de prisão preventiva.

Dentre as prisões preventivas, está a do líder da organização e demais coordenadores do grupo.  

Quanto as apreensões, foram retidos materiais para a embalagem de drogas; dinheiro e grande quantidade de lâminas de cheque, além de três veículos.

 
 

Felpuda


Tropas de choque ligadas a alguns vereadores estão agitadas que só nas redes sociais na tentativa de desbancar a concorrência das “chefias” que querem porque querem. Querem a cadeira maior da Câmara Municipal de Campo Grande. A da presidência.

Segundo políticos mais antenados, trata-se do “segundo turno” das eleições do dia 15 de novembro, só que com apenas 29 eleitores.