Clique aqui e veja as últimas notícias!

NÃO FOI AFASTADO

Tenente que agrediu mulher algemada é transferido para Campo Grande por "inconveniência"

Andre Luiz Leonel Andrea era comandante da Polícia Militar em Bodoquena, município próximo de Bonito, onde aconteceram as agressões
24/11/2020 13:23 - Gabrielle Tavares


O policial militar denunciado por espancar uma mulher algemada dentro do quartel militar do município de Bonito foi transferido para Campo Grande. A portaria foi publicada no Diário Oficial do Estado desta terça-feira (24).

A ordem foi assinada pelo comandante da PMMS, Marcos Paulo Gimenez, com justificativa de “inconveniência da permanência” no 3º Pelotão da PM em Bodoquena, onde Andre Luiz Leonel Andrea exercia o cargo de 2º Tenente.

Lotado para o Batalhão da Polícia Militar de Guarda e Escolta (BPMGdaE) e para a Central de Processamento Eletrônico de Feitos Judiciais (CPE), Andrea fará serviços administrativos e de guarda e escolta.

A transferência acontece um dia após a ordem de afastamento imediato publicada pelo governador Reinaldo Azambuja (PSDB).  

A nota assinada por Azambuja, diz que “ainda que tenha havido ocorrência de desacato e agressões aos policiais, são inadmissíveis a violência extrema e a conduta empregada na ação policial nestes casos”.