Clique aqui e veja as últimas notícias!

ADIA

Pazuello alega ter contato com doentes da Covid e CPI adia seu depoimento

Militar justificou a ausência por ter tido contato com dois subordinados que foram diagnosticados com a Covid
04/05/2021 16:34 - FOLHAPRESS


A presidência da CPI da Covid confirmou nesta terça-feira (4) o adiamento do depoimento do ex-ministro da Saúde Eduardo Pazuello, que justificou a ausência por ter tido contato com dois subordinados militares que foram diagnosticados com a Covid-19.

A nova data da oitiva será 19 de maio.

Um dos principais alvos da CPI, Pazuello deveria comparecer diante do colegiado nesta quarta-feira (5), mas enviou ofício para a presidência da comissão solicitando não comparecer presencialmente ao depoimento. 

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Alegou que dois coroneis com quem teve contato no último fim de semana receberam diagnóstico positivo para a Covid-19.

Por isso ofereceu duas hipóteses alternativas: manter a data de seu depoimento, mas falar de maneira virtual aos senadores, ou então alterar o cronograma.

Pazuello já foi infectado pelo novo coronavírus no ano passado. No fim de abril, foi flagrado sem máscara em um shopping de Manaus.