Clique aqui e veja as últimas notícias!

MATO GROSSO DO SUL

Ex-deputado estadual Roberto Orro morre e governador decreta luto de três dias

Pai do deputado Felipe Orro, Roberto morreu aos 83 anos e será sepultado em Aquidauana
24/11/2020 09:32 - Glaucea Vaccari


O ex-deputado estadual Roberto Orro morreu na noite desta segunda-feira (23), aos 83 anos, em Campo Grande, devido a uma hipertensão craniana.

A morte foi confirmada pelo filho, o deputado estadual Felipe Orro, nas redes sociais. 

Acompanhe as últimas notícias

Nos últimos meses, o ex-deputado foi internado diversas vezes, devido a diversos problemas de saúde que enfrentava.

O velório foi realizado nesta manhã, na Capital, e o sepultamento será em Aquidauana.

Governador de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja (PSDB), decretou luto de três dias no Estado em razão do falecimento.

Roberto Orro era advogado, foi vereador, deputado estadual por quatro mandatos, e participou da elaboração da primeira Constituição de Mato Grosso do sul, de 13 de junho de 1979.

Orro também foi secretário estadual de Justiça, onde criou os Conselhos Estaduais de Direitos Humanos, do Índio, do Negro e da Mulher e presidiu a Assembleia Legislativa.

No Facebook, Felipe Orro lamentou a morte do pai.

“Homem íntegro, humano, dono de uma conduta ética e ilibada, exemplo de dignidade e desprendimento. Desde já, em nome de nossa família, agradeço todas as mensagens de conforto e oração recebidas”, publicou.

 Roberto Orro deixa três filhos, nove netos e uma bisneta.