Clique aqui e veja as últimas notícias!

CÂMARA DE DOURADOS

Onze anos após denuncia, Justiça de MS condena 4 ex-vereadores por esquema de “mensalinho”

Além deles, outros quatro assessores também forma contados, porém ainda cabe recurso para todos os réus
09/06/2021 17:05 - Flávio Veras


A Justiça de Mato Grosso do Sul condenou quatro ex-vereadores de Dourados, em regime fechado, envolvidos na Operação Uragano, deflagrada em setembro de 2010, pela Polícia Federal, que denunciou um esquema de ‘mensalinho’ na Câmara Municipal.

Segundo a sentença expedida pelo juiz Luiz Alberto de Moura Filho, da 1ª Vara Criminal de Dourados, os réus foram condenados pelos crimes de corrupção passiva, peculato, fraude em procedimento licitatório e falsificação de documentos.

Somadas as penas, chega a 48 anos em regime fechado. Foram condenados os ex-vereadores Marcelo Luiz Lima Barros, Gino José Ferreira, Paulo Henrique Amos Ferreira, e Aurélio Luciano Pimentel Bonatto.

Últimas notícias

Outros quatro ex-assessores que participaram do esquema também tiveram a pena de prisão decretada. No entanto, todos poderão recorrer em liberdade.

A condenação ocorre quase onze anos após o escândalo.