Política

PROJETO

Lotéricas terão que instalar banheiros

Lotéricas terão que instalar banheiros

DA REDAÇÃO

22/06/2011 - 00h00
Continue lendo...

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Jerson Domingos (PMDB), apresentou na sessão de ontem, projeto de lei que obriga as casas lotéricas e instituições financeiras a instalarem banheiros e bebedouros para atendimento do público usuário de seus serviços.

O projeto estabelece que as instalações atendam as normas estabelecidas pela Vigilância Sanitária de cada município. As casas lotéricas e instituições financeiras terão prazo de 180 dias para se adequarem à lei.

“A vida moderna exige dos cidadãos o contínuo comparecimento aos bancos, casas lotéricas, instituições de crédito ou locais de pagamento de contas. Por conta da enorme aglomeração de pessoas e, muitas vezes, na demora do atendimento de cada usuário, é necessário que nesses locais sejam oferecidas instalações sanitárias adequadas ao público”, justifica.

Fonte: AL/MS


 

ELEIÇÕES

Pré candidatura de Rose Modesto terá a presença de lideranças do União Brasil

Em evento marcado para essa sexta-feira (24), o trio deve receber o título de Visitante Ilustre

23/05/2024 18h00

Pré candidatura de Rose Modesto terá a presença de lideranças do União Brasil

Pré candidatura de Rose Modesto terá a presença de lideranças do União Brasil Gerson Oliveira

Continue Lendo...

O evento marcado para o lançamento da pré-candidatura de Rose Modesto à prefeitura, contará com a presença de lideranças do União Brasil, o trio composto por Antônio de Rueda, Presidente Nacional do União Brasil, Antônio de Rueda, ex-Prefeito de Salvador e 1º vice-presidente nacional do União, ACM Neto, e Ronaldo Caiado, Governador de Goiás.

De acordo com as informações, o trio foi homenageado pelos vereadores da Câmara Municipal de Campo Grande e deverão receber o título de Visitante Ilustre em razão dos três decretos legislativos propostos pelo vereador Coronel Villasanti. 

As homenagens foram aprovadas pelos parlamentares da Casa de Leis, na sessão ordinária desta quinta-feira (22), nos decretos legislativos 2.763/24, 2.764/24 e 2.765/24.

A cerimônia está marcada para iniciar às 18h, nesta sexta-feira (24), no espaço de eventos Murano Buffet, localizado na Avenida Afonso Pena - 4557.

Rose Modesto sonda Verruck e Puccinelli Jr. para serem vice

Antes do anúncio para a prefeitura de Campo Grande, Rose Modesto (União Brasil) vem realizando contatos para escolher o vice em sua chapa.  

Entre os nomes sondados pelo grupo de Rose estão o secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Inovação, Jaime Verruck (PSD) e também o advogado e professor de Direito, André Puccinelli Jr. (MDB), filho do ex-governador André Puccinelli. 

A tarefa não será fácil, pois estes dois partidos têm, pelo menos em público, tomado rumos distintos ao da pré-candidatura de Rose. Um cacique político de Mato Grosso do Sul, entretanto, disse ao Correio do Estado que já existe uma sondagem neste sentido. 

Quanto a Jaime Verruck, o nome foi discutido com lideranças do PSD, por meio de cúpula.

Embora o partido esteja dentro da aliança do pré-candidato Beto Pereira (PSDB), o posicionamento de Rose Modestos nas pesquisas, sempre com mais de dois dígitos, e até mesmo na liderança da preferência do eleitor quando o ex-prefeito André Puccinelli (MDB) não aparece nelas, é o trunfo dos candidatura de Rose.

O assédio tem sido forte nos políticos do PSD. 

No caso de André Puccinelli Jr., embora o pai dele apareça liderando as principais pesquisas publicadas até agora - em preferência, mas também em rejeição - o convite seria para “agradar” o ex-governador e ex-prefeito, e tirá-lo das negociações com o PSDB.

Apesar de ser pré-candidato, Puccinelli depende de financiamento para concorrer, e também mantém conversas com o PSDB de Beto Pereira. 

As lideranças que têm apoiado o nome de Rose Modesto para a prefeitura de Campo Grande acreditam que, ou o nome de Jaime Verruck, ou o sobrenome Puccinelli, na chapa dela para a prefeitura, a tornaria uma candidata mais forte ainda para o pleito de outubro próximo. 

O principal argumento dos que defendem a candidatura de Rose Modesto para convencer estes dois possíveis vice em sua chapa são as chances reais de vitória da ex-deputada federal e superintendente da Sudeco.

Segundo números demonstrados em pesquisas recentes, como a do Instituto Paraná Pesquisas, mas também em levantamentos internos realizados por todos os partidos. 

Quem são os pré-candidatos à prefeitura de Campo Grande? 

Faltando menos de seis meses para as eleições municipais, marcadas para o dia 6 de outubro, a dança das cadeiras continua a todo vapor dentro dos partidos políticos.  

Até o momento, Campo Grande tem seis pré-candidatos à prefeitura de Campo Grande. Alguns nomes são velhos conhecidos da política sul-mato-grossense:

  • Adriane Lopes (PP)
  • Beto Pereira (PSDB)
  • Camila Jara (PT) 
  • André Luiz (PRD) 
  • André Puccinelli (MDB)
  • Rafael Tavares (PL)

 

 

Campo Grande

Juiz suspende posse de Dr. Lívio e manda Carlão empossar Gian Sandim

Reviravolta: magistrado decide que vaga deixada por Claudinho Serra pertence ao PSDB, anulando ato do presidente da Câmara, Carlão

23/05/2024 16h51

Continue Lendo...

O juiz da 2ª Vara de Fazenda e de Registros Públicos de Campo Grande, Cláudio Müller Pareja, concedeu liminar pleiteada pelo suplente de vereador Gian Sandim (PSDB) e sustou a posse de Lívio Leite (União Brasil), ocorrida na última terça-feira (21) na Câmara Municipal, na vaga de Claudinho Serra (PSDB), que está licenciado.

O magistrado ainda determinou que Gian Sandim ocupe o cargo deixado vago por Claudinho Serra no prazo de 48 horas. Cabe recurso da liminar concedida no mandado de segurança ao Tribunal de Justiça.

O presidente da Câmara de Campo Grande, Carlão (PSB), que deu posse a Lívio na terça-feira por interpretação própria e da Casa, ainda não se manifestou.

O entendimento do juiz é de que o mandato pertence ao PSDB.

O magistrado lembra que os sucessores na ordem de suplência de Claudinho Serra, entre eles Gian Sandim, todos deixaram o partido dos tucanos: Lívio Leite, Elias Longo, Delegado Wellington, Antônio Cruz e Enfermeira Cida Amaral.

O titular da 2ª Vara de Fazenda e de Registros Públicos de Campo Grande, ao conceder a liminar, lembrou que da lista citada, apenas Delegado Wellington está no PSDB, mas ele se filiou ao PL em 2022 para candidatar-se a deputado federal e só retornou ao PSDB em 2024.

“Sendo assim, concluo que, pela ordem de convocação, o impetrante (Sandim) é o suplente mais bem colocado entre os que permaneceram filiados ao PSDB, titular da cadeira, desde a realização do pleito”, justificou o magistrado.

Assine o Correio do Estado

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).