Clique aqui e veja as últimas notícias!

DEPUTADO PRESO

Maioria da bancada de Mato Grosso do Sul defende prisão de Silveira

Jurista é favorável à prisão; da bancada de Mato Grosso do Sul, só Luiz Ovando (PSL) criticou decisão do STF
18/02/2021 10:00 - Dênis Matos


A prisão em flagrante do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ) na noite de terça-feira, após vídeo publicado em rede social no qual realiza ameaças a ministros, instiga violência, gera instabilidade na segurança pública e ataca instituições jurídicas, movimentou todo o cenário político nacional. 

A bancada federal e juristas de Mato Grosso do Sul comentaram o fato.

Em pouco mais de 19 minutos, o parlamentar carioca, entre outras coisas, acusou ministros do Supremo Tribunal Federal (STF) de venderem sentenças e fez apologia ao Ato Institucional nº 5 (AI-5), que decretou o fechamento do Congresso Nacional e suspendeu direitos políticos dos brasileiros durante o regime militar.

Últimas notícias

Com a repercussão do vídeo, a reposta do Judiciário foi imediata. Em poucas horas, o ministro Alexandre de Moraes decretou a prisão do deputado carioca. 

Daniel Silveira estava em casa no momento da prisão e foi conduzido pela Polícia Federal à Superintendência da instituição no Rio de Janeiro. 

Mesmo com a prerrogativa de imunidade parlamentar, em razão do cargo de deputado federal, Daniel Silveira, que é alvo de inquéritos que apuram atos antidemocráticos e propagação de fake news, foi preso em flagrante pelos ataques proferidos no vídeo.