Clique aqui e veja as últimas notícias!

MATO GROSSO DO SUL

Soraya Thronicke lança programa para apoiar projetos e ouvir sugestões no interior de MS

Fórum de Integração MS Certo tem apoio da Sudeco, de ministérios e de setores da indústria e comércio
20/02/2021 07:30 - Eduardo Miranda


A partir do mês que vem, a senadora Soraya Thronicke (PSL) pretende viajar por todo o Estado de Mato Grosso do Sul para ouvir as propostas dos gestores dos municípios e de integrantes da sociedade civil.  

Trata-se do Fórum de Integração MS Certo, que além de ouvir e debater os problemas das cidades também ajudará nas soluções, destravando ações governamentais e financiando projetos.  

“Chegou o momento de a sociedade discutir os problemas e as soluções deles, e de deixarmos discussões que só atrapalham de lado”, afirmou a senadora durante visita ao Correio do Estado.  

Acompanhe as últimas notícias

Para viabilizar as sugestões de projetos que virão durante as visitas em todas as regiões do Estado, a senadora contará com o apoio da Superintendência para o Desenvolvimento da Região Centro-Oeste (Sudeco) e também de vários ministérios do Poder Executivo. “Também temos um bom volume de crédito, disponível por meio de bancos públicos, para levarmos os projetos adiante”, afirmou.  

Entre os meses de março e dezembro deste ano, serão realizadas reuniões nas cidades que polarizam várias regiões do Estado, como Campo Grande, Dourados, Três Lagoas, Paranaíba, Corumbá e a região do Pantanal (Miranda e Aquidauana), Ponta Porã, Naviraí, Ivinhema, São Gabriel do Oeste e Coxim.  

 

Balanço

A senadora Soraya Thronicke também fez um balanço de sua atuação em 2020, ano em que ela informa ter obtido R$ 92 milhões para recursos no Estado. “Visitei muitas cidades e tivemos prefeitos e cidadãos que demonstraram muita gratidão pelos recursos que conseguimos”, afirmou.

Em um ano de pandemia, os R$ 92 milhões que Soraya diz ter viabilizado foram distribuídos da seguinte forma: R$ 59,5 milhões foram destinados à área da saúde, R$ 4,5 milhões para a educação, R$ 5,5 milhões para o turismo, R$ 20,5 milhões para a infraestrutura, R$ 1,5 milhão para a agricultura e R$ 600 mil para projetos sociais.  

Soraya Thronicke também ressalta o trabalho desenvolvido no parlamento. “Lutamos no combate à corrupção e ao crime organizado, assinamos todos os pedidos de instalação da CPMI [Comissão Parlamentar Mista de Inquérito] da Lava Toga e defendemos a aprovação da prisão em 2ª instância”.