Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ÁLCOOL GEL E MÁSCARAS

Parlamentar pede ajuda para China no combate ao coronavírus no Estado

“Se possível, envio de equipamentos médico-hospitalares”, diz parte do documento
23/03/2020 17:14 - Izabela Jornada


 

Documento assinado pela deputada federal Rose Modesto (PSDB) foi encaminhado ao embaixador da China no Brasil, Yang Wanming, em caráter de urgência para que o país possa enviar materiais e profissionais com o objetivo de combater a pandemia do novo coronavírus no Estado de Mato Grosso do Sul.

No conteúdo, a parlamentar afirma que “diante a rápida evolução do número de casos registrados , necessitamos de apoio neste momento delicado”, citando que tal ajuda é importante para manter as atividades no Estado, uma vez que Mato Grosso do Sul “exporta 42% de toda sua agricultura e pecuária local, como carnes, minério de ferro e soja para parceiros estratégicos e ao Povo Chinês. Nosso principal e estratégico parceiro comercial, que, agora, pode ser nosso parceiro humanitário e epidemiológico no combate ao Covid-19.”, diz parte do documento.

A deputada enfatiza que “infelizmente estamos a beira de um colapso severo e grave dos nossos sistemas de contenção nacional, que deve afetar sem igual o povo do Mato Grosso do Sul” por isso solicita ao embaixador, “se possível, envio de doações de equipamentos médico-hospitalares, produtos como máscaras e álcool em gel, além de indicações de empresas que possam colaborar na contenção emergencial da pandemia”.

A preocupação da deputada é motivada pelo fato de Mato Grosso do Sul ter 513 leitos de Unidades de  Terapias Intensivas (UTIs), mas deve precisar de 1,1 mil para atender a demanda que vai surgir  com a pandemia, de acordo com o Ministério da Saúde. O número não será suficiente nem com a criação de mais 227 leitos de UTIs anunciados, já que a pasta  estima que 22 mil pessoas  apresentem os sintomas nos próximos dez dias no Estado, sendo que em média 5% dos infectados com a Covid-19 precisam de internação intensiva.

A situação é ainda mais  grave na região de fronteira, onde 22% dos municípios não têm leito de internação e 93% estão sem UTI, aponta o Conselho Federal de Medicina, em levantamento divulgado no ano passado.

O ofício  foi encaminhado nesta segunda-feira (23) ao Embaixador da China pelo sistema eletrônico da Câmara dos Deputados para evitar contato físico e respeitar o isolamento social recomendado pelo Ministério da Saúde.

CONTAMINAÇÃO

Após viagem presidencial aos Estados Unidos (EUA), mais de 18 pessoas da equipe do presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido) foram contaminados pelo novo coronavírus. Um deles foi o senador Nelson Trad Filho (PSD) que teve melhora do quadro e se encontra em casa, após passar mal. Na última quinta-feira (19), o senador foi internado no hospital Sírio Libanês, em Brasília, depois de apresentar dificuldades de respirar.

Os deputados Fábio Trad (PSD), Rose Modesto e a senadora Simone Tebet (MDB) fizeram exames para saber se também estavam contaminados, porém os resultados dos três deu negativo para o novo coronavírus.

Felpuda


Nos bastidores, há quem garanta que a única salvação, de quem está com a corda no pescoço, é ele aceitar ser candidato a vice-prefeito em chapa de novato no partido. Vale dizer que isso nunca teria passado por sua cabeça, uma vez que foi eleito com, digamos, “caminhão de votos”. Se aceitar a imposição, pisaria na tábua de salvação; se recusar, poderá perder o mandato. Ah, o poder!