Clique aqui e veja as últimas notícias!

PROJETO

Prefeitura da Capital cria comissão para viabilizar auxílio municipal

A medida, inicialmente proposto pela vereadora Camila Jara (PT), tem o objetivo de atender 100 mil famílias vulneráveis da Capital
08/04/2021 14:09 - Flávio Veras


A prefeitura de Campo Grande acatou o pedido feito pela Câmara para criação de uma renda emergencial, que tem o objetivo de beneficiar 100 mil famílias de baixa renda que residem na na Capital.  

O projeto, que tem caráter impositivo, foi idealizado pela vereadora Camila Jara (PT) e leva o nome de Renda Básica Emergência.  

De acordo com o texto primário, o benefício seria dividido em três parcelas de R$ 300. O valor empregado para garantir o benefício é de R$ 28 milhões.  

Últimas notícias

Teriam direito ao valor, pessoas que não estejam recebendo outros auxílio como o do governo federal e do recém criado pelo governo do Estado.  

A decisão, do Executivo Municipal tomar frente da proposta, foi formalizada em uma reunião que ocorreu na tarde desta última quarta-feira (7). Além de vereadora - que irpá representar o Legislativo Municipal - o prefeito Marcos Trad (PSD) anunciou que o grupo de trabalho também será composto por representantes da Procuradoria do Município, das secretarias de Finanças e Orçamento, Assistência Social, Cultura, de Governo, Defensoria Pública e OAB.

Segundo Jara, quando seu gabinete pensou em um auxílio municipal, a ideia era olhar para aqueles que ficaram ainda mais vulneráveis no período da pandemia.

“Partindo deste ponto, iniciamos as conversas com os demais vereadores, com os diversos setores e entidades da sociedade civil. Tivemos muitas reuniões, buscamos modelos que já deram certo e conseguimos convencer a todos que era, sim, possível. Bastava diálogo e vontade política”, revelou.

Assine o Correio do Estado