Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA

Projeto prevê multa de R$ 3 mil por divulgação de fake news sobre coronavírus

Caberá à secretaria de Segurança fiscalizar a norma, se for sancionada
21/05/2020 12:57 - Gabrielle Tavares


Um projeto de lei que tramita na Assembleia Legislativa do Estado de Mato Grosso do Sul (Alems) prevê multa de R$ 3 mil para quem divulgar notícias falsas sobre a pandemia do novo coronavírus. O autor da matéria é o 1º secretário da Mesa Diretora, deputado Zé Teixeira (DEM).

“O texto proposto criminaliza a propagação de fake news, ou seja, notícias falsas publicadas por veículos de comunicação como se fossem informações reais, divulgadas com o intuito de legitimar um ponto vista ou ainda, prejudicar uma pessoa ou grupo”, afirmou o deputado.

A multa por descumprimento é fixada até o valor máximo de 100 Unidades Fiscais Estadual de Referência (Uferms). Atualmente, isso corresponde a R$ 3.035, que pode aumentar a cada mês. Os recursos obtidos por meio dessas punições serão revertidas para o combate à pandemia e tratamentos de pacientes com Covid-19.

Caso seja aprovada e sancionada, a validade dessa medida será até 31 de dezembro, quando termina o estado de calamidade pública. Caberá à Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública (Sejusp) regulamentar, implementar e fiscalizar a norma.

 
 

Felpuda


Sindicalista defende o fim de mordomias e privilégios dos políticos e dos integrantes de outros Poderes, conforme divulgação feita por sua assessoria. Para ele, está na hora de se colocar um basta nessa situação, questionando, inclusive, o número de parlamentares e de assessores. Entretanto, não demonstra a mesma aversão por aqueles dirigentes de sindicatos que se perpetuam no poder e que comandam mais de uma entidade, assim como ele. Afinal, o exemplo deve vir de casa, né?