Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

DEMISSÃO

"Ranzinza e Irresponsável": Soraya Thronicke pede pela demissão de Paulo Guedes

Ministro criticou senadores que votaram pela derrubada do veto no aumento para servidores
21/08/2020 16:41 - Fábio Oruê


Após votar por derrubar o veto que impedia o aumento de salários de servidores que atuam no combate ao coronavírus, a senadora Soraya Thronicke (PSL/MS), em crítica ao Ministro Paulo Guedes, pediu a demissão do mesmo da pasta da Economia: "Está na hora de este senhor ranzinza e irresponsável ir para casa", escreveu ela.

Após a votação, Guedes criticou senadores que votaram pela derrubada do veto presidencial. 

Presidente barrou reajustes para policiais, médicos e professores durante a pandemia, mas governo foi derrotado no Senado por dois votos.

Sobre o voto, Thronicke justificou que Guedes "mentiu" sobre a proposta e que ele é "absolutamente inábil para a política". 

Na mesma resposta, a senadora pede que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) se conscientize que o ministro não "entrega", possivelmente se referindo que Guedes não cumpre direito o seu papel a frente da pasta.

O veto seguiu para análise da Câmara dos Deputados, sendo mantido por ampla vantagem. Como é necessário que as duas Casas - Senado e Câmara Federal - aprovem a derrubada do veto para ele se efetivar, a decisão de Bolsonaro foi mantida

 
 

Felpuda


Figurinha está trabalhando intensamente para tentar eleger a esposa como prefeita de município do interior.

Até aí, uma iniciativa elogiável. Uns e outros, porém, têm dito por aí que seria de bom tom ele não ensinar a ela, caso seja eleita, como tentar fraudar folha de frequência de servidores. 

Afinal, assim como ele foi flagrado em conversa a respeito com outro colega, não seria nada recomendável e poderia trazer sérias consequências. Só!