Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

PREFEITO REELEITO

Recuperação econômica será prioridade de Marcos Trad no segundo mandato

No primeiro discurso após reeleição, prefeito agradeceu eleitores e disse que se reunirá amanhã com secretários
15/11/2020 23:01 - Brenda Machado, Flávio Veras, Glaucea Vaccari


Em seu primeiro discurso após ser reeleito prefeito de Campo Grande, Marcos Trad (PSD) afirmou que a recuperação econômica será prioridade imediata em seu segundo mandato. Ao lado da vice-prefeita, Adriane Lopes (Patriota), Trad agradeceu a Deus e o novo voto de confiança dado pela população da Capital, que o reelegeu com 52,58% dos votos neste domingo (15).

"Agradecemos toda a Campo Grande e temos certeza absoluta de que a maneira de devolver a todos os campo-grandenses será com muita dedicação, transparência, com ética e respeito", disse.

Conforme o prefeito, nesta segunda-feira (16) ele se reunirá com todos os secretários e, na terça-feira (17), será apresentado um pacote com plano de recuperação econômica para a Capital.

Trad afirmou também que pretende se reunir com todos os demais 14 candidatos que disputaram o pleito para ouvi-los e agregar propostas.

" A gente quer conversar, dialogar, sentar com os 14 outros concorrentes, assimilar algumas outras ideias deles que são positivas e a gente não tinha pensado ainda e otimizá-las. Vou sentar com eles, vou conversar com cada um e vou colher muitos programas de governo deles para que a gente possa alavancar ainda mais a nossa cidade", declarou.

Com relação ao secretariado, prefeito afirmou que não haverá mudanças. 

"O corpo técnico permanece o mesmo, a população nos disse, foram quase 220 mil votos, somados outros 14 juntos não dava esses votos, então a população foi muito clara conosco, permanece a equipe porque está dando certo", afirmou Trad. 

Além da reunião com os secretários e apresentação do plano de recuperação, também está na agenda do prefeito reeleito viagem a Brasília, onde ele irá conversar com os oito deputados federais e três senadores de Mato Grosso do Sul, juntamente com o governador Reinaldo Azambuja (PSDB), para buscar emendas para conclusão de obras.

"Emendas para a gente terminar vários recapeamentos, unidades habitacionais, o Reviva Campo Grande e a recuperação de 16 mil novos empregos".

Quanto as obras, prioridade será concluir as que já estão assinadas e buscar a recuperação e requalificação da antiga rodoviária. Também está nos planos a criação de um corpo de psicólogos atender os alunos da Rede Municipal de Ensino na volta às aulas.

Questionado se pretende disputar o governo de Mato Grosso do Sul nas eleições de 2022, prefeito disse que a princípio a prioridade é colocar a cidade em ordem.

"Não há como você largar a cidade por opção individual, a não ser que coletivamente tenha um pool de partidos e de pessoas que queiram o nosso nome para o governo do estado. Caso contrário, não tenho nenhuma vaidade em buscar o governo do Estado", concluiu Trad. 

Todas as urnas foram apuradas às 21h14 e, ao todo, 218.418 mil eleitores votaram em Marcos Trad, conforme dados do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

 
 

Felpuda


Ex-petista de quatro costados, que acabou se aboletando em outro partido já há algum tempo, decidiu se submeter mais uma vez às urnas na tentativa de voltar a comandar cidade do interior de Mato Grosso do Sul. O eleitorado não botou fé e decidiu reeleger o atual prefeito.

Agora, há quem diga que o dito-cujo, que é fã de Carnaval, já pode ir preparando sua fantasia: “palhaço das perdidas ilusões”. Ô maldade!