Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

BEM POSITIVO

Marquinhos Trad diz que reeleição é resultado do reconhecimento da população sobre sua gestão

O prefeito reeleito destacou a credibilidade que os eleitores vêm dando a ele e seus colaboradores
16/11/2020 18:16 - Brenda Machado


Em coletiva de imprensa, feita para discutir as Eleições 2020, o prefeito reeleito de Campo Grande, Marquinhos Trad (PSDB), ressaltou a credibilidade que a população vem dando a equipe de trabalho da atual gestão.

Segundo ele, a vitória deste domingo (15) é apenas consequência de todo trabalho realizado até agora, e que foi reconhecido pelos eleitores.

"Não é fácil de cada 10 pessoas, 5.3 escolherem a gente, sendo que eles poderiam escolher 15 outros, ou anular, ou votar em branco, ou nem ir.", disse.

Ainda durante a entrevista, ele comentou que os secretários são muito elogiados; são acessíveis, vão até os bairros, ajudam de perto, e isso faz com que as pessoas se sintam participantes da política, o que é bom.

Janine Bruno, da Agência Municipal de Transporte e Trânsito (Agetran) e Rudi Fiorese, da secretaria de infraestrutura e serviços públicos do Município (Sisep), foram alguns dos citados.

"Os eleitores viram assim: pelo que eles fizeram, eles merecem ter a renovação do contrato, são bons funcionários, não preciso demiti-los."

Ainda segundo Trad, durante o período do seu primeiro mandato, a população conseguiu mensurar a capacidade administrativa da sua equipe e, a partir disso, começou a fazer comparações.

"O eleitor está cada vez mais atento nas ações dos políticos. Eles viram a maneira como nós recebemos a cidade e viram a evolução dela.", frisou.

Completou dizendo que foi reconhecido também que sua gestão teve condições de entregar aquilo que prometeu desde o programa de Governo, já que as propostas não eram mirabolantes, como as de outros candidatos.

 
 
Falha que não se repetirá

"Hipotecar confiança" foi o termo que o prefeito usou para se referir ao tipo de erro que garante que não irá mais cometer.

Indagado sobre suas atitudes em relação ao primeiro mandato e ao segundo, que ainda está por vir, Marquinhos citou, como exemplo, sua falha em confiar nos técnicos que elaboraram a taxa do lixo, logo quando assumiu o cargo.

"Eu, agora, estou muito mais atento. Tudo que trazem, pra mim, eu faço uma análise 10 vezes maior que fazia antigamente."

Ele disse ainda que reconhece e fala disso publicamente. "Eu errei porque confiei em funcionários de carreira, dentre eles o falecido José Marcos e outros da equipe.".

 

Felpuda


Embora tenha manifestação de que não haverá mudanças na administração municipal que se iniciará dia 1º de janeiro, o que se ouve por aí é que a realidade não seria bem assim.

Alguns setores deverão passar por alterações, como forma de se azeitar engrenagens que estariam deixando a desejar. 

O Diário Oficial, a partir daquela data, deverá ser a publicação mais lida a cada manhã.