Clique aqui e veja as últimas notícias!

CÂMARA

Vereadores articulam comissões; PSD quer manter a principal

Otávio Trad (PSD) quer continuar com a CCJR, já o PT articula formar um bloco independente
09/02/2021 10:00 - Flávio Veras


Já tiveram início as articulações que definirão os presidentes, vices e membros das comissões que fazem parte da Câmara Municipal de Campo Grande.  

Lideranças acreditam que as principais comissões, como a permanente de Legislação, Justiça e Redação Final (CCJR) e a de Finanças e Orçamento, devam ser comandadas pelo PSD, partido do prefeito Marcos Trad e que conta com a maior bancada da Casa de Leis, com seis vereadores.

O nome ventilado para continuar na presidência da CCJR é o do atual mandatário do colegiado, Otávio Trad (PSD), que, além de parlamentar, é sobrinho do atual prefeito.

Últimas notícias

Apesar de obter um cargo eletivo e não haver nenhum impeditivo jurídico para que ele assuma essa função, muitos adversários do clã Trad na Capital questionam essa postura, que consideram uma concentração de poder.  

Questionado sobre esse tipo de queixas de seus adversários, Otávio preferiu não comentar. 

No entanto, em relação à articulação para a sua permanência à frente da comissão mais importante da Casa, ele explicou que os colegiados devem ser compostos por parlamentares que entendem do ambiente em que estão inseridos.

Apesar de ter o nome citado, ele explicou que apenas foi indicado pela bancada para compor a comissão, ou seja, isso não lhe garante cargo de mandatário do colegiado.

“É natural que eu seja indicado pelos meus pares, bem como ter meu nome prospectado ao cargo, já que desde meu primeiro mandato, que teve início em 2013, eu pertenci à CCJR como membro, posteriormente como vice e nos últimos mandatos como presidente. Por conta da minha experiência na comissão, acredito que meu nome deve estar no meio dos membros dela”, elencou.