Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

SUINOCULTURA MS

Carne suína é muito mais saudável do que se pensa

Apesar do alto teor proteíco ainda é pouco consumida
30/03/2019 13:27 - Redação


 

As pessoas ainda têm muito preconceito em relação à carne suína e a associam a algo gorduroso que não fez bem à saúde, mas a realidade é completamente diferente disso.

O dia 31 de março é o Dia da Saúde e da Nutrição, que faz parte do calendário oficial do Ministério da Saúde e tem o objetivo principal de conscientizar a população sobre a importância da saúde e da boa alimentação.

Por isso, o Secretário da Cooasgo- Cooperativa Agropecuária São Gabriel do Oeste, Rainer Josef Ruiz Goehr, explica algumas características da carne suína. A cooperativa produz suínos há 26 anos é uma referência no mercado.

“O brasileiro consume pouca carne suína, em torno de 14 quilos por anos, já o europeu chega a 60 quilos. A carne suína é a mais consumida no mundo e por isso é preciso disseminar os benefícios dela”, afirma Rainer.

Ele ainda explica que cerca de 70% do consumo dos brasileiros provém de produtos industrializados, como presunto, salame e etc, e que a carne in natura é somente alguns cortes mais populares como o pernil. “O suíno também tem outros cortes, como o boi, dentre eles a alcatra, picanha, filé mignon, por exemplo”.

“A COOASGO não simplesmente produz suíno, mas sim produz carne. E se preocupa com o bem-estar animal, oferecendo um ambiente adequado, sem estresse para os suínos. Sem contar a alta tecnologia que está até na ração dos animais que tem nutrientes importantes que possibilitam o desenvolvimento saudável dele”, declarou o diretor.

Não é à toa que essa carne é rica em proteína e tem alto valor biológico, além de excelentes quantidades de vitaminas e sais minerais. Por fim, o presidente da cooperativa, Sérgio Marcon, ressalta a importância de se esclarecer os benefícios dessa carne, que além de fazer bem à saúde, ainda movimento a economia local.

 

 

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...