Tecnologia

SAÚDE

A+ A-

Hábitos para uma alimentação saudável nas férias

Hábitos para uma alimentação saudável nas férias

MSN Saúde

20/07/2011 - 00h00
Continue lendo...

Férias é o período para relaxar, rever conceitos e, claro, descansar. Só não pode haver relaxo quando o assunto é alimentação saudável. "As férias mudam a nossa rotina, mas não podemos esquecer que determinadas coisas não entram de férias - uma delas é a saúde", diz a psicanalista Ângela Mathylde Soares.

Que tal aproveitar o tempo de sobra para rever a sua dieta? Adote esses sete hábitos que, além de te ajudarem a manter a linha nesse período, prolongam os resultados para quando o descanso acabar.

Repense os hábitos alimentares

Muitas vezes, a falta de tempo é a grande desculpa para adiar as mudanças nos hábitos alimentares. Durante as férias, fica mais fácil organizar e planejar as refeições, assim como investir em outros hábitos saudáveis.

Além disso, acrescenta a nutricionista Joana Lucyk, naturalmente você está menos estressado. "Não há reeducação alimentar que dê certo se estamos estressados. Nas férias, como estamos relaxados, fica mais fácil nos adaptarmos a mudanças no comportamento alimentar", ela explica.

Tome cuidado com os pratos típicos

Usar as férias para conhecer outras culturas é comum, ainda mais por meio de sua culinária. Por mais que seja uma aventura deliciosa, exagerar nas experimentações pode pesar na balança.

"Não vale experimentar vários pedaços de várias delícias diferentes. Aí pecamos, de qualquer forma, pelo excesso. Portanto, escolha apenas uma delícia por dia", aconselha a nutricionista Joana Lucyk. "Também é preciso saber um pouco sobre a preparação do alimento, para tentar verificar se o mesmo é muito calórico e saber se há alimentos aos quais tem intolerância ou alergia, o que pode causar graves prejuízos a sua saúde", adiciona a nutricionista Teresa Marsi.

No entanto, lembre-se de que não adianta restringir as mudanças de atitude às férias, lembra a nutricionista Teresa Cristina de Oliveira Marsi. Procure estender esses hábitos para quando o período de descanso acabar.

Seja prático na cozinha

É possível usar alguns macetes para tornar o preparo dos alimentos muito mais prático em casa e não precisar recorrer a fast food ou restaurantes todos os dias. O forno micro-ondas é um dos melhores amigos da praticidade: "Uma das vantagens é a melhor preservação dos nutrientes, pois neste método de cocção o alimento não precisa ser imerso em água", explica a nutricionista Meire Braga.

No entanto, alguns cuidados devem ser tomados no manuseio do aparelho. Antes de consumir o alimento feito ou esquentado nele, a nutricionista Teresa Marsi aconselha que aguardemos metade do tempo de cocção para consumir o alimento - por exemplo, se a comida ficou dois minutos no forno, deve-se esperar um minuto para consumi-lo. Ela explica que há referências de que o aquecimento no micro-ondas aconteça por agitação molecular. "Caso a pessoa ingira o alimento imediatamente após a cocção, o número de radicais livres poderá ser bem alto, pois não há tempo de haver uma reorganização molecular e a redução dos radicais livres", justifica.

Também é melhor evitar recipientes plásticos, dando preferência aos de vidro. "O plástico, quando aquecido, libera bisfenol, substância tóxica para o nosso organismo, que pode favorecer a multiplicação de células de gordura, entre outros males", alerta a nutricionista Joana Lucyk.

Teresa ainda aconselha o uso de outros aparelhos práticos, como forno elétrico pequeno, multiprocessador, grill, panela de arroz elétrica e até máquina de pão.

Outra opção é comprar legumes já picados, que, como lembra a nutricionista Ingrid Bigotto, da Oligoflora SPA, podem ser usados em preparos de saladas ou sopas rápidas. "Também há muitas opções saudáveis e fáceis de preparar na cozinha, como salada de frutas com granola e agávia; polpa de açaí com granola; lanche frio com pão integral, queijo branco, peito de peru, tomate seco e alface, entre outras", completa.

Negócios

WhatsApp incrementa canais de envio de mensagem em massa com áudio e enquete

Os donos desses espaços de distribuição massiva de mensagens agora podem enviar áudios, enquetes e eleger até 16 administradores

17/01/2024 21h00

Os ajustes nos canais chegam ao público às vésperas de novo período de eleições no país. Divulgação

Continue Lendo...

O WhatsApp aumentou as opções para as pessoas que administram canais, segundo anúncio desta quarta-feira (17). A ferramenta permite envio unidirecional a milhares de usuários. 

Os donos desses espaços de distribuição massiva de mensagens agora podem enviar áudios, enquetes e eleger até 16 administradores. A atualização está disponível para todos os usuários a partir desta quarta (17).

A Meta —dona do WhatsApp— adiou a estreia desse recurso no Brasil, após o Ministério Público Federal ter recomendado, durante as eleições de 2022, à empresa esperar até o ano seguinte para o lançamento. A medida visava prevenir desinformação no contexto eleitoral.

Os ajustes nos canais chegam ao público às vésperas de novo período de eleições no país.

Nos canais, os criadores já podem distribuir links, textos, imagens e vídeos para um número ilimitado de participantes. O recurso concorre com ferramenta similar do Telegram.

Os novos recursos incluem:

1 - Mensagens de voz
2 - Enquetes
3 - Compartilhar cards no status (ferramenta análoga aos stories do Instagram) —para isso, basta manter uma atualização que você achar interessante pressionada, selecionar ‘encaminhar’ e depois a opção ‘meu status’

A Meta também lançou a opção de "Múltiplos Admins" para que os canais possam ter até 16 administradores para ajudar a gerenciar as atualizações.

O dono do Canal pode convidar qualquer um de seus contatos ou seguidores para se tornarem administradores. Depois que o convite é aceito, o novo administrador poderá gerenciar as informações do canal e criar, editar e excluir quaisquer atualizações.

Apenas os proprietários de um canal seguem com permissão para excluí-lo.
 

Telemarketing

Plataforma Não Me Perturbe fecha 2023 com 12 milhões de cadastros

Mecanismo bloqueia chamadas indesejadas de telemarketing

10/01/2024 22h00

O mecanismo, no entanto, não bloqueia ligações, por exemplo, de planos de saúde ou de redes varejistas. Arquivo/ Correio do Estado

Continue Lendo...

Mecanismo que permite o bloqueio de chamadas não desejadas de empresas, a plataforma Não Me Perturbe fechou 2023 com 12 milhões de números de telefone cadastrados. Isso representa crescimento de 974.902 de números em relação a 2022.

Segundo a Conexis Brasil Digital, que reúne as empresas de telecomunicações e de conectividade, o número de cadastros equivale a 4,3% da base de 280,5 milhões de telefones fixos e móveis existentes no Brasil.

Em operação desde julho de 2019, a plataforma permite que as pessoas bloqueiem chamadas de telemarketing vindas de empresas de telecomunicações e de oferta de crédito consignado. O mecanismo, no entanto, não bloqueia ligações, por exemplo, de planos de saúde ou de redes varejistas.

Quem quiser bloquear seus números de celular e telefone fixo para não receber ligações de telemarketing desses dois setores (telecomunicações e crédito consignado) deve fazer o cadastro diretamente no site Não Me Perturbe ou por meio dos Procons em todo o país. O bloqueio ocorre em até 30 dias após o cadastro no site.

A maior parte dos números bloqueados está no estado de São Paulo, com 5,52 milhões de números registrados. São Paulo também concentra a maior base de clientes do país, com 85 milhões de celulares e de telefones fixos. O Distrito Federal tem a maior proporção de telefones cadastrados na plataforma, com 8,2% da base de telefones fixos e móveis do DF.

Em operação desde julho de 2019, a plataforma Não Me Perturbe faz parte das medidas de autorregulação do setor para melhorar a relação com os consumidores. Desde então, o número de cadastrados cresceu ano a ano, mas só superou a marca de 10 milhões em 2022. Em outubro do ano passado, segundo a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), o volume de queixas caiu 15,2% em relação ao mesmo mês do ano anterior.

 

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).