Clique aqui e veja as últimas notícias!

RENOVADO

Nas trilhas da evolução: Dacia apresenta o novo Duster na Europa com design evoluído

O novo modelo mantém às raízes de SUV familiar mas se moderniza nas linhas
06/07/2021 11:23 - Daniel Dias/AutoMotrix


A versão brasileira do Duster, produzida pela Renault, foi repaginada em março do ano passado, aparecendo para o público pouco dias antes do “estouro” da pandemia da Covid-19 no Brasil. 

Agora, a Dacia, divisão romena da Renault e responsável pela concepção original do SUV, apresenta na Europa o Duster realmente renovado. 

Como, desde o lançamento, a Renault “copia” inteiramente o projeto do modelo para o mercado brasileiro, é esperado que as novidades mostradas no mercado europeu venham a integrar a próxima remodelação do Duster no Brasil. 

Com mais de 1,9 milhão de unidades vendidas, o utilitário esportivo é líder em seu segmento desde 2019 na Europa. 

O design evoluiu, especialmente nos faróis e na grade do radiador, com uma sensação de uma personalidade mais forte e aerodinâmica. 

Desde 2010, e já com quase 2 milhões de clientes, o Duster tornou-se um verdadeiro ícone para a marca. Renovar um modelo assim não é uma tarefa simples. Fizemos algumas evoluções no sentido de acrescentar uma maior modernidade. O novo Duster é ainda mais Duster, robusto e acessível a todos”, comemora Lionel Jaillet, diretor de Performance de Produto da Dacia.

Se, no Brasil, o “retoque” de 2020 não trouxe novidades na motorização aspirada 1.6 SCe, na Europa, a Dacia oferece como opcional o propulsor Eco-G bicombustível (gasolina e gás). 

O cilindro do gás é montado sob o compartimento de carga do SUV, no lugar do estepe. 

A duração da garantia, os intervalos de manutenção e a capacidade do porta-malas são idênticos aos das versões apenas a gasolina. 

Quando utiliza apenas o gás, o novo Duster Eco-G emite em média menos 9,5% de CO2 do que um motor a gasolina equivalente. 

Além disso, oferece uma autonomia de 1.235 quilômetros.

Leia as últimas notícias