Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

COVID-19

Comprado por R$ 863,5 mil, coquetel para Covid-19 chega em 10 dias

Aquisição é referente a ivermectina, hidroxicloroquina e sulfato de zinco
11/07/2020 10:45 - Daiany Albuquerque


 

A prefeitura de Campo Grande fechou a aquisição dos medicamentos para comporem o coquetel para o tratamento precoce da Covid-19. Os remédios foram comprados em três distribuidores, por R$ 863.530 e devem chegar em até 10 dias.

De acordo com o termo da aquisição, feita sem licitação por conta do estado de emergência em saúde decretada pelo município, os medicamentos foram comprados com a Nunesfarma Distribuidora de Produtos Farmacêuticos Ltda.(R$ 637.980,00), Medicinalis Farmacêutica Ltda. (R$ 59.850,00) e Farma Cinco Ltda. (R$ 165.700,00). Não há especificação sobre qual medicamento cada empresa é responsável.

Apesar de ter prazo contratual de entrega imediata, conforme o médico Sandro Benites, toxicologista responsável pelo Centro Integrado de Vigilância Toxicológica (Civitox) e membro do grupo de profissionais responsáveis pela criação do protocolo, os medicamentos devem chegar na cidade em 10 dias, quando serão colocados à disposição na rede pública de saúde.

Do coquetel previsto no protocolo aprovado pela prefeitura, apenas a azitromicina e a vitamina D não foram adquiridas, porque já havia uma quantidade suficiente na rede para que a medida seja colocada em prática.

O protocolo chamado de “tratamento precoce da Covid-19”prevê que esses medicamentos sejam oferecidos a pacientes iniciais da doença, assim que os primeiros sintomas sejam apresentados e também para profissionais de saúde.

A medida foi aprovada na semana passada pela prefeitura de Campo Grande e foi proposta por um grupo de cerca de 250 médico que atuam na cidade em vários estabelecimentos, particulares e públicos. Conforme o documento feito pelos profissionais, a medida é válida apenas para pacientes acima de 12 anos.

Os medicamentos devem ser usados entre o 1° a 5° dia de sintomas, sempre com prescrição médica. O protocolo estabelece a ingestão dos seguintes medicamentos: Azitromicina 500 mg, Hidroxicloroquina 400 mg, Sulfato de Zinco 110 mg, Ivermectina 6 mg e Vitamina D3 (Colecalciferol) 50.000 UI.

 

Felpuda


Figurinha carimbada ganhou o apelido de “biruta”, instrumento que indica direção do vento e, por isso, muda constantemente. Dizem que a boa vontade até existente ficou no passado, e as reclamações são muitas, mas muitas mesmo, diante das decisões que vem tomando a cada mudança de humor do eleitorado. Como bem escreveu o poetinha Vinicius de Moraes: “Se foi pra desfazer, por que é que fez?”.