Clique aqui e veja as últimas notícias!

EDUCAÇÃO

Enem será um desafio para estudantes isolados pela pandemia; Veja dicas

Prova vai acontecer em janeiro do próximo ano, revelando desigualdades e o perfil de um novo estudante pós isolamento
08/09/2020 10:30 - Marcos Pierry


Feriados como o de ontem, que prolongam o fim de semana, acabam sendo os mais cobiçados pela maioria das pessoas. No rol das exceções, tem lugar garantido para os estudantes que se preparam para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). 

As 180 questões e a redação, muito mais que medir a qualidade do Ensino Médio, consolidaram-se como sistema de ingresso no Ensino Superior brasileiro desde 1999.

Passar o dia todo estudando, porém, não garante êxito. É o que dizem professores, estudantes e especialistas em comportamento ouvidos pelo Correio do Estado.  

Em Mato Grosso do Sul, 82.710 candidatos estão inscritos para as provas, programadas para os dias 17 e 24 de janeiro de 2021, depois de muito atraso e reviravolta nas definições do Ministério da Educação, consulta pública e recrudescimento dos ânimos entre sociedade civil (estudantes e professores) e o governo.

Outros quase dois mil candidatos, que farão as provas somente em Campo Grande e Dourados, optaram pelo Enem Digital e realizarão os exames depois – nos dias 31 de janeiro e 7 de fevereiro. 

São as duas únicas cidades do Estado que foram incluídas na nova modalidade, com mais 108 municípios e o Distrito Federal.