Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

REFORÇO

Santa Casa amplia leitos e mais 10 UTIs serão inauguradas

Abertura de vagas faz parte das medidas de enfrentamento à covid-19 em todo o Mato Grosso do Sul, principalmente para casos graves
20/07/2020 18:37 - Nyelder Rodrigues


Após inaugurar 15 leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) nessa segunda-feira (20) na unidade do Hospital do Pênfigo que fica na saída para Sidrolândia, as pastas de Saúde Pública do Estado e da prefeitura inauguram mais 10 leitos de UTI nesta terça-feira (21), a partir das 7h30, na Santa Casa.

Somando essas 25 novas vagas abertas na rede pública de saúde, Campo Grande passa a contar com 509 leitos de uso exclusivo para pacientes com covid-19, unindo tanto rede público como privada. São 175 UTIs e 334 leitos clínicos.

"Estamos fazendo um trabalho conjunto entre a SES e a Sesau, na estruturação de leitos clínicos e de UTI na rede hospitalar da Capital", frisa o secretário estadual Geraldo Resende. Recentemente, ele fez críticas ao protocolo de medicamentos adotado pela prefeitura no tratamento da covid-19.

De acordo com Geraldo, ainda neste mês serão estruturados mais 28 leitos de UTI em Campo Grande, sendo 10 deles no Hospital Universitário (HU) Maria Aparecida Pedrossian e outros 18 no Hospital Regional de Mato Grosso do Sul (HRMS).

"Com esses novos leitos, é possível desafogar hospitais que hoje são referências no atendimento à covid-19, como o Hospital Regional", explica Resende. Na semana passada, foram colocados em funcionamento 37 novos leitos para pacientes de covid-19, sendo 20 no Hospital Proncor, 10 na Clínica Campo Grande e sete no Hospital El Kadri, além de 18 leitos de retaguarda no Hospital do Câncer Alfredo Abrão.

Atualmente, somando leitos para pacientes covid ou não, existem 710 leitos clínicos adulto, 119 leitos clínicos pediátrico, 269 leitos de UTI adulto e nove leitos de UTI infantil na cidade. Em ampliação constam 100 leitos clínicos adulto, seis leitos clínicos pediátrico e 101 leitos de UTI adulto.

 
 

Felpuda


Dia desses, há quem tenha se lembrado de opositor ferrenho – em público –, contra governante da época, mas que não deixava de frequentar a fazenda de “sua vítima” sempre que possível e longe dos olhos populares. Por lá, dizem, riam que só do fictício enfrentamento de ambos, que atraía atenção e votos. E quem se lembrou da antiga história garantiu que hoje ela vem se repetindo, tendo duas figurinhas carimbadas nos papéis principais. Ô louco!