Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PREVISÃO DO TEMPO

Temperatura começa a cair na terça e mínimas podem chegar a 8ºC

Massa polar avança no Estado provocando o declínio de temperatura
03/05/2020 18:03 - Fábio Oruê, Glaucea Vaccari


 

Frente fria que deve chegar a Mato Grosso do Sul na terça-feira derrubando as temperaturas, gradualmente, em todo o Estado. Os termômetros podem chegar a marcar 8ºC, principalmente no sul, por onde essa massa de ar frio entra em MS. 

Conforme previsão do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), Ponta Porã deve marcar os 8ºC na quinta-feira, mas o declínio na temperatura começa a ser sentido no começo da semana, quando os termômetros marcam mínimas de 16ºC. 

Já Dourados teve marcar mínimas entre 22ºC e 11ºC durante a frente fria. Campo Grande marca entre 19ªC e 11ºC com tempo nublado e chuva na terça e quarta-feira. A queda das temperaturas será mais sentida no próximo fim de semana, em todo o Estado. 

Conforme a meteorologista Patrícia Madeira, é a primeira onda de frio forte do outono, no entanto, na segunda quinzena do mês, há previsão de outra mais forte e abrangente.  

Ainda de acordo com o Inmet, na terça-feira (5), canal de umidade da Amazônia que atua sobre o estado se fortalece e se conecta a frente fria, podendo chover forte em municípios do sul e oeste do Estado.

A partir de quarta-feira (6), a frente fria atravessa o Estado, causando aumento da nebulosidade e chuvas em algumas regiões, mas o tempo continua predominantemente seco. Temperaturas caem acentuadamente, com mínima prevista de 14°C.

Frio deve ser mais intenso a partir de sexta-feira, quando há possibilidade de geadas em municípios da região sul. Domingo de Dia das Mães deve ser o pico de frio, com temperaturas abaixo de 10°C.  

Massa de ar polar deve estabelecer as menores temperaturas deste ano, com provável recorde de frio em Campo Grande.

O frio destas massas polares se sustenta por um período de 2 a 4 dias e depois a temperatura já entra em elevação.

 

 

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...