Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

CULTURA

Palco de inúmeras apresentações, Centro Cultural José Octávio Guizzo será restaurado com projeto arquitetônico

Abertura de licitação foi publicada no Diário Oficial Eletrônico nesta terça
23/09/2020 12:20 - Carol Alencar Cozzatti


Palco de inúmeras apresentações de teatro, dança e exposições do Estado de Mato Grosso do Sul, o Centro Cultural José Octávio Guizzo (CCJOG) que abriga o Teatro Aracy Balabanian pode ser restaurado em breve.

Foi publicado nesta terça-feira (22), no Diário Oficial Eletrônico (DOE), processo de licitação para contratação de empresa que irá elaborar o novo projeto arquitetônico de restauração e ampliação do espaço.

“Esta etapa consiste na contratação, por meio de licitação, de projeto executivo de arquitetura e complementares para reforma e ampliação do prédio. O prazo para a conclusão do projeto é de 290 dias consecutivos, com o valor de R$ 244.412,83”, informou a arquiteta da FCMS, Claudia La Picirelli de Arruda. A abertura do processo de tomada de preço começará às 10h do dia 08 de outubro.

A previsão da conclusão desse processo licitatório é de 90 dias. “A nossa vontade, bem como do governador Reinaldo Azambuja era que a reforma do Centro Cultural José Octávio Guizzo e do Teatro Aracy Balabanian já estivesse concluída. Mas, além das questões legais e burocráticas, tivemos que suspender muitos processos devido à pandemia do novo coronavírus”, disse a presidente da Fundação de Cultura de MS, Mara Caseiro.

Segundo ela, após a conclusão do projeto arquitetônico, haverá outro processo licitatório para a execução da obra. “Todos os procedimentos legais serão cumpridos de forma transparente e responsável”, afirmou.

 
 

Felpuda


Falatório e atitude de membro da família acenderam a luz vermelha no “QG” de candidato, pois poderão causar muitos estragos. 

A tropa de choque de defensores do candidato a prefeito já foi colocada em campo e só falta falar que os genes de ambos são diferentes. 

E com relação ao dito-cujo, sabe-se que deverá ser orientado a “baixar a bola” nos próximos dias, mais precisamente até o término da campanha eleitoral.

Afinal...