Clique aqui e veja as últimas notícias!

INCENTIVO

Empreendedores de todos os setores poderão se beneficiar do novo Prodes, diz secretário

Programa de incentivo ao investimento é um dos motores da retomada anunciada nesta sexta
27/11/2020 13:14 - Rodrigo Almeida


Anunciado na manhã desta sexta-feira (27), o programa Reviva Mais Campo Grande, iniciativa da prefeitura municipal para retomada da atividade econômica, revelou como será o novo Programa de Incentivos para Desenvolvimento Econômico e Social de Campo Grande (Prodes). 

De acordo com o titular da secretaria de finanças (Sefin), Pedro Pedrossian Neto, este é considerado como único em cidades do porte de Campo Grande. “Não há incentivos nenhum em programa qualquer no país que se assemelhe ao novo Prodes”, afirma. 

O secretário explica que o empreendedor poderá conseguir isenção de até 100% no IPTU, redução do Imposto Sobre Serviços (ISS) de 5% para 2%, 100% de ISS sobre construção, neste caso, o empresário não paga por ISS sobre na contratação de construtores e empreiteiros e redução da contribuição para o custeio da iluminação pública dos municípios (cosip) sobre o estabelecimento. “Vamos reduzir até imposto sobre a energia elétrica”, revela. 

Acompanhe as últimas notícias do Correio do Estado

Para ele da forma como estava, o Prodes causava muita muitos problemas e levava mais de um ano causando até a desistência do empresário. “Muitos reclamavam que era um benefício para poucos, era difícil de conseguir, havia muitas exigências, e isso desestimulava o empresário”, explica.

Para Pedrossian Neto este é um novo rito. Que se cumprido os termos de contrato e os prazos estipulados entre município e iniciativa privada, a aprovação é praticamente automática para o empresário. 

A ideia que o secretário quis passar é que agora este tipo de incentivo está mais democratizado do que nunca. “Será para a indústria, comércio e setor de serviços, pro grande, médio e pequeno, pro rico e pro pobre, qualquer empreender que atingir as metas do programa será beneficiado”, arremata.