Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PERFIL

Caio Castro em dois tempos

De folga dos folhetins, o ator volta ao ar em “Novo Mundo” e “Fina Estampa” durante a pandemia
04/05/2020 03:00 - Caroline Borges/TV Press


 

Caio Castro surgiu jovem na televisão, aos 18 anos. Ao integrar o elenco da 15ª temporada de “Malhação”, o ator teve seu primeiro contato com a massiva repercussão da tevê. Ao longo dos anos, ele foi acumulando papéis de destaque, fama e glamour. No entanto, foi a oportunidade em “Novo Mundo”, no papel de Dom Pedro I, que permitiu ao ator mostrar uma vertente mais sólida e madura de sua atuação   produção que está de volta ao ar em uma edição especial, por conta das medidas de prevenção ao novo coronavírus. “Fiquei surpreso e muito feliz (com a reprise da novela). Foi um personagem que mostrou momentos distintos do meu trabalho como ator. Está sendo muito legal poder rever isso. E vale destacar a boa iniciativa da Globo em colaborar com o combate da propagação do coronavírus, cancelando as gravações e trazendo essas novelas em edições especiais. Foi importante e necessário para enfrentarmos essa pandemia”, defende o ator, que também pode ser visto na edição especial de “Fina Estampa”, em que vive o estudante de Medicina Antenor.

Durante as gravações da história assinada por Thereza Falcão e Alessandro Marson, Caio fez um mergulho histórico na trajetória do príncipe regente. No folhetim das seis, Dom Pedro I é retratado como um homem mulherengo ao extremo, explosivo e avesso às convenções. Apesar de ser apaixonado por Leopoldina, de Letícia Colin, não consegue esconder a atração que sente por Domitila, interpretada por Agatha Moreira. “Dom Pedro foi um personagem muito importante para mim. Criei uma conexão especial e inexplicável. Foi quase como se eu tivesse tido uma permissão ancestral para dar vida a esse Dom Pedro. Estamos vivendo um momento frágil e de muita incerteza, e ter algum entretenimento que leve um pouco de alegria e diversão para as pessoas é muito bom e bem-vindo”, explica o ator, que ainda lembra alguns detalhes do personagem. “Faz tanto tempo, mas acho que ficaram os ensinamentos da aula de violino. Ainda sei tocar algumas músicas. Também aprendi um pouco mais sobre cavalos, a montar, e consegui me relacionar melhor com eles depois da novela”, completa.

Já a participação em “Fina Estampa” marcou a estreia de Caio no horário das nove. Na trama de Aguinaldo Silva, ele viveu Antenor, filho da protagonista Griselda, de Lilia Cabral. O jovem estudante de Medicina tinha vergonha das origens humildes da mãe, o que fez com que mentisse sobre sua real condição financeira para a noiva Patrícia, papel de Adriana Birolli. “Eu queria fazer um personagem diferente do que vinha fazendo na época. Então, quando recebi o perfil do Antenor, fiquei muito feliz e grato pela oportunidade de interpretar um papel no horário nobre e com destaque na trama, cheio de nuances e ainda podendo trabalhar ao lado de grandes atores, como a Lilia Cabral”, relembra.

Aos 31 anos, Caio foi amadurecendo sua relação com a fama. Apesar de conquistar papéis de destaque na tevê, ele busca ainda manter sua vida privada de forma reservada. O ator compreende que a exposição de uma novela das nove gera maior curiosidade do público sobre sua rotina. “O interesse fica maior, mas a minha forma de me expor é sempre a mesma. Sou um cara reservado, não fico falando da minha vida. Minha vida não é pública, meu trabalho que é. Com o tempo, fui criando mais malandragem e maturidade para responder algumas perguntas. Não são todos, claro. Mas tem gente que faz de tudo por um clique, não pensa no outro lado”, ressalta.

 

“Novo Mundo” - Globo - de segunda a sábado, às 17h20.  

“Fina Estampa” – Globo – de segunda a sábado, às 20h30.

 
 

Marcado na memória

Tanto “Novo Mundo” quanto “Fina Estampa” foram novelas longas e que exigiram uma grande demanda de tempo de Caio Castro. Acompanhando a trama escrita por Thereza Falcão e Alessandro Marson, o ator pretende rever diversas sequências novamente, como as cenas da declaração de independência por Dom Pedro I. “Quero ver de novo com certeza. Foi um momento muito especial e me emocionei gravando. Retrata um momento histórico do nosso país”, afirma.

Em “Fina Estampa”, Caio já teve a chance de acompanhar uma de suas sequências preferidas. Com uma edição mais corrida e compacta, a novela exibiu logo no primeiro mês a cena em que Antenor é desmascarado na frente de todos durante um jantar de noivado na casa de Tereza Cristina, papel de Christiane Torloni. “Ele apanha na frente de todos e não dá um pio, chora, chora e o chorar diz mais do que qualquer coisa... Ali, a Lilia conseguiu extrair de mim tudo que eu precisava para fazer a cena sem dizer nada. Ela é um monstro”, elogia.

Instantâneas

# Caio Castro também poderá ser visto em uma participação especial da quarta temporada de “A Vila”, do Multishow.

# O ator é faixa preta no judô e azul no jiu-jítsu.

# Caio tem uma experiência como apresentador em seu currículo. Em 2018, ele comandou o “reality” “Are You the One? Brasil”, da MTV.

# Atualmente, Caio namora a também atriz Grazi Massafera.  

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...