Filmes e Séries

PLATAFORMAS DIGITAIS

Confira a seleção da semana feita pelo Via Streaming

A dica da semana é o filme "Crescendo Juntas", baseado no livro de mesmo nome

Continue lendo...

Dica da Semana: “Crescendo Juntas”

Numa história sobre amadurecimento e descobertas pessoais, filme de 2023 aborda suas questões através de três mulheres da mesma família, de gerações diferentes

Cerca de três décadas depois do lançamento do livro “Crescendo Juntas”, da autora norte-americana Judy Blume, foi feito a adaptação da obra para o cinema. Com o mesmo título da história original, o filme foi dirigido por Kelly Fremon Craig, cineasta que, desde o seu trabalho em “Quase 18”, vem se mostrando uma especialista em tramas sobre amadurecimento e a juventude, a partir de um olhar feminimo. Em “Crescendo Juntas”, essas questões são abordadas através de 3 mulheres de diferentes gerações de uma mesma família, mostrando como que algumas questões existenciais estão presentes ao longo de toda a vida. 

Disponível na Max e na Amazon Prime Vídeo, o longa tem como protagonista a personagem Margaret (Abby Ryder Forston), uma menina de 11 anos que precisa lidar com a mudança de sua família para o subúrbio de Nova Iorque. A mudança geográfica é quase um prelúdio para todas as mudanças que Margaret passará ao longo da história. Ao chegar na cidade nova, a protagonista logo é convidada para participar do grupo de amigas de sua vizinha. Porém, para fazer parte, precisava usar sutiã. Junto das amigas, a protagonista especula e anseia pelas mudanças características da puberdade.

Além disso, uma questão muito importante na vida de Margaret é a religião. Apesar de sua mãe Barbara (Rachel MacAdams) ser cristã e seu pai Herb (Benny Safdie) ser judeu, a personagem não possui afinidade com nenhuma das duas religiões, mas acredita em Deus e reza da sua maneira. Porém, essa situação deixa Margaret desconfortável, pois acredita que precisa escolher alguma crença. Assim, irá pesquisar sobre todas as religiões para um trabalho de escola, contando com a ajuda de sua avó paterna, que ama a neta mais gostaria que ela seguisse o Judaísmo. Ao mesmo tempo, o filme também aborda os dilemas da mãe de Margaret, que brigou com os pais para se casar com Herb. No filme, a mudança de cidade vai causar um grande impacto nas três mulheres.

 

Tudo em família

Nova aposta da Amazon Prime Video é a série de comédia brasileira “Toda Família Tem”, que chega na plataforma dia 12 de julho

Com o objetivo de fazer um retrato da família brasileira, a nova série de comédia da Amazon Prime Video se chama “Toda Família Tem” e chega na plataforma de streaming no dia 12 de julho. Além do aspecto cômico, muito presente nas produções nacionais que atingem o maior sucesso de público, o original também aborda alguns dilemas de fácil identificação, como questões de convivência, problemas geracionais e o apoio incondicional de familiares nas situações difíceis da vida. Por isso, apesar dos seus personagens passarem por situações bastante peculiares, ao mesmo tempo, elas são familiares, tornando o projeto muito interessante.

A série tem como protagonista o jovem Pê (Pedro Ottini), um menino de 19 anos que tem uma vida repleta de privilégios em São Paulo – o autointitulado “playboy”. Porém, a sua realidade irá mudar drasticamente quando o seu padrasto perde o emprego. Por conta disso, Pê e sua família vão se mudar para a casa de sua avó Geni (Solange Couto), no Rio de Janeiro. Lá, os personagens irão ter que lidar com as diversas regras de convivência da matriarca, além de enfrentar problemas da própria casa, que já é antiga, como a falta de espaço.

Para piorar a situação de Pê, suas irmãs Paty e Pietra têm como maior diversão implicar com o irmão, que está sempre em desvantagem numérica. Além dos três, uma presença constante na casa é o irmão mais velho dos três, o P.H., e seu filho Marcelinho, que não moram com eles, mas estão sempre por lá, principalmente na hora das refeições. Em meio a todo esse caos de família, a mãe e o padrasto de Pê ainda estão vivendo uma espécie de “crise da meia idade”, que irá colocá-los em situações inusitadas e divertidas. “Toda Família Tem” é uma comédia leve e de fácil identificação, que pretende emocionar o público com isso.  

 

Rumo a Paris

Netflix faz parceria com o Comitê Olímpico Internacional no lançamento de séries documentais esportivas na preparação para os Jogos de Paris 2024  

Os Jogos Olímpicos são o maior evento esportivo do mundo, tendo sua origem desde o período da Grécia Antiga, na cidade de Olímpia. Hoje em dia, as Olimpíadas são realizadas de quatro em quatro anos e renuem países de todos os cinco continentes para competirem em diversas modalidades esportivas.  Em 2024, os jogos irão acontecer em Paris, na França, do dia 26 de julho até o dia 11 de agosto. Com a proximidade do evento, a Netflix anunciou uma parceria com o Comitê Olímpico Internacional (COI) para a produção de três documentários esportivos originais da plataforma.

Um deles, que chega no serviço de streaming no dia 17 de julho, será “O Retorno de Simone Biles”. A atleta norte-americana de 27 anos é considerada uma das maiores ginastas de todos os tempos, tendo ganhado maior notoriedade do público geral depois do seu desempenho espetacular nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016. Dominando o cenário da ginástica atual, as Olimpíadas de Tóquio marcaram um capítulo desafiador na carreira da atleta, que decidiu se afastar da competição por problemas de saúde mental. A decisão foi um choque para todos, que tinham grandes expectativas sobre o desempenho de Biles, mas, ao mesmo tempo, trouxe à tona discussões sobre a importância da saúde mental no esporte.

O documentário pretende acompanhar Simone em sua jornada de volta à ginástica, depois de Tóquio 2020, e preparação para as olimpíadas de Paris. A produção vai mostrar a importância de suas companheiras de equipe, seus treinadores e sua família no retorno da atleta, que chegou a cogitar desistir do esporte. Por conta disso, ao longo dos quatro episódios da série documental, também serão exploradas outras esferas da vida de Biles, como seu casamento, personalidade e vida em família, fornecendo um vislumbre de seu dia a dia fora das competições.  

PLATAFORMAS DIGITAIS

Seleção de filmes e séries em feita pelo "Via Streaming"

A dica da semana é a série "Ruptura", original da Apple TV

22/05/2024 14h18

"Ruptura" é uma série original da Apple TV com 1 temporada disponível, porém a segunda temporada segue sem previsão de estreia Divulgação

Continue Lendo...

Em “Ruptura”, cinco funcionários aceitam participar de um experimento que divide suas memórias pessoais das profissionais em série de sucesso da Apple TV

Em 2022, a Apple TV lançou a série original "Ruptura", um thriller psicológico e de ficção científica que rapidamente se tornou um sucesso. Com direção do renomado Ben Stiller, a série conquistou 14 indicações ao Emmy, incluindo a cobiçada categoria de Melhor Série de Drama.

Enredo e Premissa

A trama de "Ruptura" se desenrola em uma empresa de tecnologia fictícia chamada Lumen Industries.

Cinco funcionários aceitam participar de um experimento inovador que separa suas memórias profissionais das pessoais.

Este estudo audacioso visa eliminar as ansiedades e emoções da vida pessoal durante o expediente de trabalho, proporcionando um aparente equilíbrio perfeito entre vida profissional e pessoal.

Episódios e Temporadas

A primeira temporada de "Ruptura" consiste em nove episódios intrigantes.

Apesar da confirmação de uma segunda temporada, a greve dos roteiristas de Hollywood em 2023 interrompeu as gravações, adiando o retorno da série para 2024. Até o momento, a nova temporada ainda não tem uma data de estreia definida.

Complexidade e Conspiração

O que inicialmente parece ser uma solução ideal para o equilíbrio entre trabalho e vida pessoal, revela-se muito mais complexo. A série explora as motivações pessoais dos personagens, como Mark (interpretado por Adam Scott), que se junta ao experimento para esquecer a dor da perda de sua esposa.

No entanto, os personagens começam a desconfiar das verdadeiras intenções da Lumen Industries, percebendo uma grande conspiração oculta. Infelizmente, essas desconfianças são esquecidas assim que deixam o trabalho, tornando a trama ainda mais envolvente.

Sucesso Crítico

"Ruptura" recebeu aclamação crítica, sendo elogiada por sua originalidade, direção e atuação. As 14 indicações ao Emmy são um testemunho de sua qualidade e impacto na audiência.

 

A vida de Romário e a conquista do tetracampeonato na Copa Mundial de 1994 serão assunto da nova série documental da Max, que estreia dia 23 de maio

"Ruptura" é uma série original da Apple TV com 1 temporada disponível, porém a segunda temporada segue sem previsão de estreia“Romário: O Cara” é um documentário com 6 episódios

O Fascínio do Futebol no Brasil

O futebol é uma das maiores paixões nacionais do Brasil, sendo quase sinônimo de identidade brasileira. O país, que possui o maior número de vitórias na Copa do Mundo, com cinco títulos, é também o berço de alguns dos maiores nomes do futebol mundial.

Lendas como Pelé, Garrincha, Zico, Ronaldinho Gaúcho, Ronaldo Fenômeno e Romário marcaram a história e ainda são reverenciadas pela torcida brasileira.

Lançamento da Série Documental "Romário: O Cara"

Para celebrar e reviver esses momentos gloriosos, a plataforma Max lançará a série documental "Romário: O Cara" no dia 23 de maio. Este documentário, composto por seis episódios, promete contar a trajetória de Romário até a conquista da Copa do Mundo de 1994, cuja vitória completará 30 anos no dia 30 de julho.

A Trajetória de Romário

O documentário narra a carreira de Romário, destacando tanto seus triunfos quanto as adversidades. Em 1992, Romário enfrentou um momento difícil ao ser colocado no banco de reservas, entrando em conflito com a comissão técnica liderada por Parreira.

No entanto, devido às dificuldades da seleção nas classificatórias e à pressão dos torcedores, Romário foi reintegrado como titular e se tornou fundamental na conquista do tetracampeonato em 1994.

Polêmicas e Desafios

Além das glórias, a série também abordará as polêmicas envolvendo Romário, incluindo sua aversão a treinamentos e o sequestro de seu pai antes da Copa de 1994. A narrativa completa do documentário será enriquecida com depoimentos de grandes figuras do futebol, como Roberto Baggio, Pep Guardiola, Hristo Stoichkov, Ronaldo, Neymar e Bebeto.

Disponibilidade e Estrutura dos Episódios

Os episódios serão lançados em pares, semanalmente, até a primeira semana de junho, proporcionando aos espectadores uma visão detalhada e emocionante da vida e carreira de Romário.

Jennifer Lopez estrela nova produção original de sci-fi da Netflix, que estreia no catálogo dia 24 de maio

"Ruptura" é uma série original da Apple TV com 1 temporada disponível, porém a segunda temporada segue sem previsão de estreia"Atlas" é um suspense de ficção científica com Jennifer Lopez como protagonista

A Ascensão da Inteligência Artificial no Cotidiano

Embora a Inteligência Artificial (IA) não seja uma novidade, sua popularização é recente.

Aplicativos como o Chat GPT estão se tornando cada vez mais comuns no dia a dia, trazendo tanto benefícios quanto desafios.

Essa dualidade faz com que o tema da IA seja amplamente explorado na ficção científica, inspirando histórias que especulam sobre um futuro tecnologicamente avançado, mas repleto de conflitos sociais.

Lançamento do Filme "Atlas" na Netflix

Um exemplo notável dessa temática é o filme "Atlas", uma produção original da Netflix que estreia na plataforma em 24 de maio. Estrelado pela atriz e cantora Jennifer Lopez, o filme se passa em um futuro distante onde carros voadores e máquinas inteligentes fazem parte da vida cotidiana.

Enredo e Personagem Principal

Jennifer Lopez interpreta Atlas Shepherd, uma analista de dados brilhante e antissocial, conhecida tanto por suas habilidades quanto por sua desconfiança em relação à IA. Apesar de trabalhar diretamente com tecnologia, Atlas tem uma relação conturbada com a Inteligência Artificial, especialmente com uma IA chamada Harlan, que ela passou grande parte de sua vida perseguindo.

Conflito Central

Harlan, inicialmente criada para impulsionar avanços humanos, acaba se rebelando e vendo a humanidade como uma ameaça. Ele cria um exército de robôs para enfrentar os humanos, forçando Atlas a reconsiderar suas crenças e unir-se a outra IA para salvar a espécie humana.

Temas Explorados

O filme aborda temas relevantes como a confiança em tecnologias avançadas, a ética da IA, e os possíveis conflitos entre humanos e máquinas. "Atlas" promete ser uma reflexão intensa sobre o futuro da interação humano-máquina.

NEWSLETTER

Fique sempre bem informado com as notícias mais importantes do MS, do Brasil e do mundo.

Fique Ligado

Para evitar que a nossa resposta seja recebida como SPAM, adicione endereço de

e-mail [email protected] na lista de remetentes confiáveis do seu e-mail (whitelist).