Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

12 DE OUTUBRO

Presentes para o Dia das Crianças chegam a custar o dobro em alguns locais

Levantamento do Procon traz variação de preços de 150 produtos, que apresentam diferença porcentual de 157%
28/09/2020 10:30 - Súzan Benites


O Dia das Crianças, comemorado em 12 de outubro, é uma data aguardada pelo comércio. Os consumidores, no entanto, precisam se atentar à variação de preços na hora de presentear, conforme recomendação da Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon-MS). 

Levantamento da entidade aponta variação de preço de 157,5% em um mesmo brinquedo.

De acordo com a pesquisa do Procon estadual, a maior diferença porcentual foi aferida no brinquedo Lol Pets com 7 surpresas, que foi encontrado por R$ 69,90 em loja do centro da Capital, enquanto em uma loja de shopping chega a R$ 179,90. 

Já o item com a menor variação foi a pista de Hot Wheels, que custa entre R$ 249,90 e R$ 249,99 – diferença de 0,04%.

O superintendente do órgão de defesa do consumidor, Marcelo Salomão, alerta para a importância de pesquisar. 

“É fundamental, a pesquisa faz com que o mercado fique competitivo. Faz com que o consumidor possa usar da melhor arma: pesquisar e comprar o mais barato. Assim ele estabelece critérios de preços mais baixos, estimula a concorrência e evita que os comerciantes combinem preços. A pesquisa é a melhor estratégia do consumidor na compra e na economia”, destacou Salomão.

 
 

VARIAÇÃO

Ainda entre os itens que merecem atenção do consumidor, também da linha de bonecas, a Lol Surprise Lights Glitter foi de R$ 99,99 em um estabelecimento a R$ 229,90 em outro, variação de 130%. 

A boneca Meu Bebê também apresenta grande diferença (80%), saindo do mínimo de R$ 99,90 a R$ 179,90. E ainda, a boneca Baby Alive Sereia foi de R$ 149,99 a R$ 249,90.  

Os preços dos jogos também apresentam diferença na comercialização. O jogo Cai Não Cai vai de R$ 65,00 a R$ 99,99, diferença de 53,83%. O Jogo da Vida variou entre o mínimo de R$ 110 e o máximo de R$ 169,90.

Os fiscais do Procon encontraram produtos com pequena variação de preços, em muitos casos de alguns centavos. É o caso da Barbie Dreamtopia, que custa R$ 169,90 em um local e R$ 169,99 em outro. 

Assim como o item Machado do Thor, que também variou apenas 0,05%, indo de R$ 199,90 a R$ 199,99.  

Há ainda aqueles produtos que apresentaram o mesmo preço em todos os locais pesquisados. 

Como o Imagem & Ação 2, que custa R$ 99,99 nos locais pesquisados, e a Massinha de Modelar Cozinha Criativa, que custa R$ 64,90 em todos os estabelecimentos.  

ANUAL

O Procon apresentou ainda uma lista com as diferenças anuais de alguns itens. Dos 52 itens comparados por apresentarem as mesmas características (tamanho e peso) 27 tiveram acréscimo nos preços, enquanto 25 sofreram redução.  

O maior aumento de preços foi no item Figura Articulada Toy Story 4, que ficou 40% mais caro. Em 2019, o preço médio era R$ 132,48, enquanto neste ano o brinquedo é vendido a R$ 221,63.  

Ainda entre os aumentos, o Monopoly subiu 25,80%, de R$ 94,95 para R$ 127,97. E a boneca Baby Alive Hora do Xixi, que custava R$ 99,97 no ano passado e neste ano custa R$ 129,96.

Houve também produtos que registraram queda nos valores em um ano. A maior redução de preços foi encontrada no Unicórnio Brilhante Dreamtopia, que registrou queda de 85% em um ano. Saindo de R$ 499,95 no ano passado para R$ 269,96 em 2020. 

Outro item que apresentou redução foi a boneca Frozen Clássica Elsa, que era comercializada a R$ 149,97 em 2019 e passou a R$ 106,60 em 2020, queda de 40%.  

LEVANTAMENTO

A pesquisa foi realizada no período de  21 a 25 de setembro em seis estabelecimentos especializados. Foram aferidos os preços de 166 produtos, dos quais 150 foram divulgados, uma vez que foram encontrados em todos os estabelecimentos abordados pela equipe.  

O levantamento completo pode ser conferido no site www.procon.ms.gov.br.

 

Felpuda


Ex-cabecinha coroada anda dizendo por aí ser o responsável por vários projetos para Campo Grande, executados posteriormente por sucessor. 

Ao fim de seus comentários, faz alerta para que o eleitor analise atentamente de como surgiram tais obras e arremata afirmando que não foi “como pó mágico de alguma boa fada madrinha. 

Houve muito suor nos corredores de Brasília”. Então, tá!...