Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PANTANAL EM CHAMAS

Incêndio em fazenda no Pantanal do Nabileque é alvo de reforço dos bombeiros

Ventos estão espalhando fogo de forma rápida, na região do Forte Coimbra
13/08/2020 18:00 - Fábio Oruê


Corpo de Bombeiros de Mato Grosso do Sul intensificou ações de combate em um grande incêndio que ocorre há quatro dias na Fazenda Brasil Fronteira, no Pantanal do Nabileque, sul de Corumbá. Mais seis homens – três bombeiros e três brigadistas do Instituto Brasil do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) – estão se deslocando de helicóptero para a área, situada abaixo do Forte Coimbra.

“O fogo avança por uma grande extensão de campo empurrado pelos ventos fortes, desde a tríplice fronteira do Brasil com a Bolívia e Paraguai”, informou o tenente-coronel Frederick Caldeira, que está no comando das operações de combate e prevenção aos focos de calor em Corumbá.

O oficial bombeiro sobrevoou a fazenda em helicóptero da Marinha, na manhã desta quinta-feira (13), e constatou que a área já queimada é expressiva e está sendo dimensionada. Dez homens, entre bombeiros e brigadistas do Ibama, estão combatendo ao fogo com o apoio dos peões e maquinários da fazenda.

As equipes saíram de Corumbá e chegaram ao local na noite de ontem, após longa viagem de 9h com viaturas pelas estradas boiadeiras. O reforço à operação será transportado no helicóptero Pantera, do Exército, que está baseado no município desde o início da Operação Pantanal II, em julho.

Confira um vídeo gravado pelo Corpo de Bombeiros que mostra a situação do local:

 
Incêndio em Fazenda há quatro dias - Corpo de Bombeiros/ Divulgação
 

Felpuda


Figurinha está trabalhando intensamente para tentar eleger a esposa como prefeita de município do interior.

Até aí, uma iniciativa elogiável. Uns e outros, porém, têm dito por aí que seria de bom tom ele não ensinar a ela, caso seja eleita, como tentar fraudar folha de frequência de servidores. 

Afinal, assim como ele foi flagrado em conversa a respeito com outro colega, não seria nada recomendável e poderia trazer sérias consequências. Só!