Clique aqui e acompanhe o resultado das Eleições 2020

PANDEMIA

Covid segue avançando e taxa de letalidade aumenta em Mato Grosso do Sul

Índice começou agosto em 1,6% e, neste domingo, subiu para 1,8% no Estado
30/08/2020 15:37 - Glaucea Vaccari


A taxa de letalidade da Covid-19 aumentou em Mato Grosso do Sul, saltando de 1,7% para 1,8%. No iníco deste mês, a taxa era de 1,6%.

Boletim epidemiológico divulgado neste domingo (30) aponta que o número de mortes continua alto entre as pessoas que têm a doença.

Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, afirmou que estão sendo verificados os locais onde a taxa está mais elevada para adoção de medidas.

“Haveremos de lutar para diminuir o grau de letalidade dos pacientes acometidos pela Covid. Estamos trabalhando na cidade de Corumbá, também em Aquidauana e haveremos de adotar medidas que ajudem os municípios para puxar essa taxa de letalidade para um número menor”, disse.

Citadas pelo secretário, Corumbá, que soma 22 mortes, tem taxa de letalidade de 3,7%, enquanto em Aquidauana, com 42 óbitos, é de 2,8%.

Campo Grande concentra a maioria das mortes ocorridas pela doença no Estado, mas a taxa de letalidade é de 1,6% na Capital.

Em 24 horas, foram confirmados 455 novos casos e 11 mortes por Covid-19 no Estado, que se aproxima dos 50 mil casos, com 48.522, e 851 mortes.

Os óbitos ocorreram cinco em Campo Grande, dois em Anastácio e Rio Verde, Ivinhema, Bonito e Corumbá com um caso cada.  

Dentros os 48.522 casos confirmados, 40.595 são considerados recuperados, 6.527 estão em isolamento domiciliar e 549 internados. 

 
 

Felpuda


Tropas de choque ligadas a alguns vereadores estão agitadas que só nas redes sociais na tentativa de desbancar a concorrência das “chefias” que querem porque querem. Querem a cadeira maior da Câmara Municipal de Campo Grande. A da presidência.

Segundo políticos mais antenados, trata-se do “segundo turno” das eleições do dia 15 de novembro, só que com apenas 29 eleitores.