Especial Coronavírus (COVID-19) - Leia notícias e saiba tudo sobre o assunto. Clique aqui.

PANDEMIA

Covid segue avançando e taxa de letalidade aumenta em Mato Grosso do Sul

Índice começou agosto em 1,6% e, neste domingo, subiu para 1,8% no Estado
30/08/2020 15:37 - Glaucea Vaccari


A taxa de letalidade da Covid-19 aumentou em Mato Grosso do Sul, saltando de 1,7% para 1,8%. No iníco deste mês, a taxa era de 1,6%.

Boletim epidemiológico divulgado neste domingo (30) aponta que o número de mortes continua alto entre as pessoas que têm a doença.

Secretário estadual de Saúde, Geraldo Resende, afirmou que estão sendo verificados os locais onde a taxa está mais elevada para adoção de medidas.

“Haveremos de lutar para diminuir o grau de letalidade dos pacientes acometidos pela Covid. Estamos trabalhando na cidade de Corumbá, também em Aquidauana e haveremos de adotar medidas que ajudem os municípios para puxar essa taxa de letalidade para um número menor”, disse.

Citadas pelo secretário, Corumbá, que soma 22 mortes, tem taxa de letalidade de 3,7%, enquanto em Aquidauana, com 42 óbitos, é de 2,8%.

Campo Grande concentra a maioria das mortes ocorridas pela doença no Estado, mas a taxa de letalidade é de 1,6% na Capital.

Em 24 horas, foram confirmados 455 novos casos e 11 mortes por Covid-19 no Estado, que se aproxima dos 50 mil casos, com 48.522, e 851 mortes.

Os óbitos ocorreram cinco em Campo Grande, dois em Anastácio e Rio Verde, Ivinhema, Bonito e Corumbá com um caso cada.  

Dentros os 48.522 casos confirmados, 40.595 são considerados recuperados, 6.527 estão em isolamento domiciliar e 549 internados. 

 
 

Felpuda


Depois de se “leiloar” durante meses, e afirmando que estava até escolhendo o município para se candidatar a prefeito, ex-cabeça coroada não só não recebeu acenos amistosos, como também não encontrou portas abertas com tapete vermelho a esperá-lo. 

Assim, deverá pendurar as chuteiras e fazer como cardume em seu pesqueiro: nada, nada...